Blog Focus

Informações, artigos, aulas, tutoriais e novidades
sobre o mundo da fotografia

AJUSTES DO FOCO

por em .

Ajustes do foco, DSLR, autofoco, botão disparador, foco, área desejada, pontos focais, fotógrafos, ponto focal, fotografia aulas, amazon, Focus escola de fotografia, aulas de fotografia, cursos de fotografia sp, escolas de fotografia EAD, escola focus, cursos de fotografia presencial SP, curso de fotografia online, cursos vips fotografia, aula de fotografia, escolas de fotografia , história do marketing

Toda câmera DSLR tem Autofoco , certo?

Sua DSLR irá focar automaticamente assim que for pressionado o botão disparador, mas onde ela focou? Essa é uma questão recorrente, pois nem sempre a câmera escolhe o tema e a área desejada.

Na verdade, há vários “pontos focais” no enquadramento. Por padrão, a câmera seleciona o ponto focal automaticamente, escolhendo a área mais próxima da câmera. Muitas vezes funciona, mas nem sempre, motivo pelo qual muitos fotógrafos preferem escolher o ponto focal manualmente.

Qual Ponto?

As DSLRs das Nikon, por exemplo,  selecionam os pontos focais de três formas. No modo Auto-area AF, a câmera escolhe o ponto focal automaticamente. Isso é bom para instantâneos, mas não se sabe qual o ponto da câmera focará.

No modo Dynamic Area AF, você escolhe o ponto focal, mas a câmera reage e temas em movimento. O melhor modo para controlar é o multisseletor na parte traseira da câmera para mover o ponto focal onde for necessário – eles ficam iluminados em vermelho no visor conforme são selecionados.

Mas há uma forma mais rápida: Primeiro selecione o ponto central AF.

Em seguida, enquadre a cena para que o tema esteja no centro do visor, mesmo que não seja essa composição que você pretenda usar sua imagem final. Pressione o disparador até a metade – isso trava o foco. Mantenha o botão semi pressionado, reenquadre foto, depois pressione o botão até o fim.

Essa técnica de “semi pressionar” também é uma boa forma de agilizar o foco, pois apesar de ele ser rápido na DSLR, isso pode levar meio segundo ou mais e, se a câmera já focou e estiver pronta, disparará no instante em que você pressionar o botão.

Semi pressionar o disparador trava o foco da exposição. Se quiser travar o foco e a exposição. Se quiser travar só o foco quando você pressionar e segurar o disparador.

Aproveite para rever mais dicas nas suas apostilas, bibliografias e vídeos das aulas de fotografia dos cursos profissionalizante da Escola Focus.

CONFIRA TCC DE ALUNOS DA ESCOLA FOCUS!  https://focusfoto.com.br/tag/tcc/

Opinião de Ex- Alunos que estudaram na FOCUS! https://goo.gl/C235XR
Blog de Fotografia:  https://focusfoto.com.br/blogs/

 Flickr – Foto Galeria dos Alunos da Escola Focus
https://www.flickr.com/photos/focus_escola_de_fotografia/

COMO ALTERAR E FAZER BRACKETING DO EQUILIBRIO DE BRANCO?

por em .

Equilíbrio de branco, bracketing, alterar, ajustar manualmente, câmera, opção WB SHIFT/BKT, menu, correção WB, auto bracketing, fotografia escolas, amazon, Focus escola de fotografia, aulas de fotografia, cursos de fotografia sp, escolas de fotografia EAD, escola focus, cursos de fotografia presencial SP, curso de fotografia online, cursos vips fotografia, aula de fotografia, escolas de fotografia , história do marketing

Veja como ajustar manualmente as cores das fotos – e como deixar a câmera fazer isso por você

1 Alterar e Bracket

Destaque a opção WB SHIFT/BKT no menu de fotografia e pressione o botão SET. Ele mostra uma grade.

2 Correção WB

Nessa grade, B é azul, A é âmbar, M é magenta e G é verde. Ao mover o marcador (usando as setas da 7D, por exemplo), é possível “alternar” o equilíbrio de branco atual.

3 Auto Bracketing

Use o disco de Controle Quick para regular +/-3 níveis bracketing WB; gire à direita para ir ao azul/âmbar ou à esquerda para magenta/verde. Pressione INFO para apagar os ajustes feitos.

4 Alertas

O ajuste de equilíbrio de branco irá piscar no painel LCD do topo da câmera quando o bracketing WB tiver sido ativado. Note que o número total de fotos restantes é reduzido a um terço.

Aproveite para rever mais dicas nas suas apostilas, bibliografias e vídeos das aulas de fotografia dos cursos profissionalizante da Escola Focus.

CONFIRA TCC DE ALUNOS DA ESCOLA FOCUS!  https://focusfoto.com.br/tag/tcc/

Opinião de Ex- Alunos que estudaram na FOCUS! https://goo.gl/C235XR
Blog de Fotografia:  https://focusfoto.com.br/blogs/ 

Flickr – Foto Galeria dos Alunos da Escola Focus
https://www.flickr.com/photos/focus_escola_de_fotografia/

SE O BALANÇO DE BRANCO FOR CAPTURADO ERRADO

por em .

Balanço de branco, capturado errado, invasão de cores, sutil, gritante, ajustes, equilíbrio de branco, opção confiável, pôr do sol, fotografia cursos, amazon, Focus escola de fotografia, aulas de fotografia, cursos de fotografia sp, escolas de fotografia EAD, escola focus, cursos de fotografia presencial SP, curso de fotografia online, cursos vips fotografia, aula de fotografia, escolas de fotografia , história do marketing

Se o Branco for captado errado, as fotos exibirão invasões de cores que podem ir do sutil ao gritante, conforme exemplos acima

Assim como na maioria dos ajustes, é possível deixar que a câmera cuide do equilíbrio de branco por você.

A opção Equilíbrio de Branco Automático (AWB) pode ser uma opção confiável em várias situações.

Contudo, há momentos em que ele se perde; interiores com pouca luz pode ser desafiador para o sistema, pois há situações em que a luz é “filtrada”, por exemplo, sob as copas de uma floresta.

Também é possível fazer fotos que se beneficiem de um tom quente ou frio maior que melhore o clima das câmeras pode oferecer algumas opções. Você pode optar, por exemplo, por “alterar” o equilíbrio de branco para adicionar ou remover o âmbar, azul, verde ou magenta a gosto.

Assim como ocorre na exposição, é possível fazer opções bracketing no equilíbrio de branco, para obter uma foto com cores precisas.

Se você grava em JPEG, é importante obter o equilíbrio de branco correto na câmera, senão, ao fazer correções de cor na edição, a qualidade da imagem poderá se degradar. Para quem usa o modo RAW, no entanto, as notícias são mais animadoras.

Na edição em RAW, o equilíbrio de branco pode ser ajustado à vontade no programa DPP da Canon ou no Adobe Camera Raw> Mesmo que você tenha errado completamente o equilíbrio de branco por acidente, não há problema; é possível escolher um preset diferente via software, como você faria na câmera.

Também é possível criar um equilíbrio de branco personalizado, clicando com o conta-gotas, em um tom neutro na foto, ou usar as setas para ajustar uma mistura de azul, amarelo, verde e magenta.

Com todas essas ferramentas para neutralizar as invasões de cores a disposição, fica fácil obter um equilíbrio de cor cirurgicamente preciso.

Se você gosta em um local esperado pela luz correta, a última coisa que deseja perder toas as nuances. Na verdade, é possível além e ajustar um equilíbrio de cor “errado” para acentuar a cor da luz.

Muitas vezes quando se fotografa um pôr do sol, as cores resultantes podem ser fracas e pálidas se você usar, por exemplo, o AWB, pois a câmera tentará reduzir o brilho laranja, entendendo como incorreto. Um bom truque aqui é usar um preset de equilíbrio de branco que aqueça, como Luz do Dia ou Sombreado.

Para neblina ou cenas noturnas, tente usar Tungstênio para reforçar o azulado da luz. O equilíbrio de branco é tanto uma ferramenta corretiva quanto criativa.

Aproveite para rever mais dicas sobre balanço de branco nas suas apostilas, bibliografias e vídeos das aulas de fotografia dos cursos profissionalizante da Escola Focus.

CONFIRA TCC DE ALUNOS DA ESCOLA FOCUS!  https://focusfoto.com.br/tag/tcc/

Opinião de Ex- Alunos que estudaram na FOCUS! https://goo.gl/C235XR
Blog de Fotografia:  https://focusfoto.com.br/blogs/

 Flickr – Foto Galeria dos Alunos da Escola Focus
https://www.flickr.com/photos/focus_escola_de_fotografia/

O QUE É EQUILÍBRIO DE BRANCO?

por em .

equilíbrio de branco, cores das fotos, desreguladas, brancos alaranjados, azulados, esverdeados, realidade, brilho, fotografia aulas, amazon, Focus escola de fotografia, aulas de fotografia, cursos de fotografia sp, escolas de fotografia EAD, escola focus, cursos de fotografia presencial SP, curso de fotografia online, cursos vips fotografia, aula de fotografia, escolas de fotografia , história do marketing

As cores das fotos estão um pouco desreguladas? Fora da coloração?

Os brancos estão alaranjados, azulados ou esverdeados? Então é hora de regular o equilíbrio de branco.

Os controles de equilíbrio de branco da câmera asseguram que as cores das imagens fiquem mais próximo possível de como são na realidade. Como o nome sugere o equilíbrio de branco faz objetos brancos parecerem realmente brancos, sejam eles iluminados pelo brilho quente de uma vela ou pelo frio azul da madrugada. Ao obter corretamente o branco, as outras cores da cena ficarão corretas.

Se o branco for capturado errado, as fotos exibirão invasão de cores que podem variar do sutil e quase imperceptível ao óbvio e gritante.

Talvez seja mais fácil pensar no equilíbrio de branco com um “equilíbrio de luz”, pois para obter brancos “limpos”, é preciso informar a câmera qual o tipo de fonte de luz no qual você está fotografando.

Diferentes fontes de luz têm diferentes temperaturas – medidas em valores Kelvin – e é por isso que a fotografia refere-se aos brilhos “quentes” de uma vela e ao “frio” da luz da madrugada.

Lâmpadas fluorescentes tendem ao verde, enquanto as domésticas comuns geram um tom quente e âmbar. A função do equilíbrio de branco da câmera é oferecer uma variedade de ajustes predefinidos (presets) que se enquadrem nas condições de luz mais comuns, como a Luz do Dia, Sombreado ou Tungstênio.

Cada preset representa uma temperatura de cor diferente e neutraliza uma possível invasão de cor. Escolha por exemplo, a opção Sombreado (shade) e câmera adiciona o tom âmbar para corrigir os azuis frios. Escolha Tungstênio e a câmera adiciona tons azuis para neutralizar a luz quente.

Além desses presets, o menu de equilíbrio de banco da DSLR inclui também o ajuste personalizado Kelvin. Isso permite que se obtenha uma leitura equilíbrio de branco mais preciso quando as fotos insistem em exibir inversão de cores.

Criar um equilíbrio de branco personalizado implica em fazer uma foto de objeto de “referência” em branco ou cinza e depois usar essa leitura para qualquer outra foto que fizer sobre a mesma luz. A opção Kelvin.

Aproveite para rever mais dicas sobre equilíbrio de branco nas suas apostilas, bibliografias e vídeos das aulas de fotografia dos cursos profissionalizante da Escola Focus.

CONFIRA TCC DE ALUNOS DA ESCOLA FOCUS!  https://focusfoto.com.br/tag/tcc/

Opinião de Ex- Alunos que estudaram na FOCUS! https://goo.gl/C235XR
Blog de Fotografia:  https://focusfoto.com.br/blogs/

 Flickr – Foto Galeria dos Alunos da Escola Focus
https://www.flickr.com/photos/focus_escola_de_fotografia/

AUTOR QUE DISPONIBILIZA FOTO NA INTERNET DE FORMA GRATUITA NÃO PODE COBRAR PELO USO DA IMAGEM

por em .

Autor disponibiliza foto, internet, forma gratuita, uso de imagem, Direitos Autorais, autorização do autor, indenização, danos materiais, fotografia escolas, amazon, Focus escola de fotografia, aulas de fotografia, cursos de fotografia sp, escolas de fotografia EAD, escola focus, cursos de fotografia presencial SP, Enio Leite, curso de fotografia online, aula de fotografia, fotografia profissional, focusfoto, fotografia notícias

Decisão é da 4ª câmara Especializada Cível do TJ/PB, que negou recurso de autor de imagem contra ex-senador Romero Jucá.

Migalhas.com.br /Direitos Autorais

Autor que disponibiliza fotografia na internet de forma gratuita não pode cobrar por sua utilização.

Decisão é da 4ª câmara Especializada Cível do TJ/PB, que entendeu não haver ilegalidade no uso da imagem em site oficial do ex-senador Romero Jucá sem autorização do autor.

O autor da imagem ingressou na Justiça contra o ex-senador requerendo indenização nos valores de R$ 10 mil, por danos morais, e de R$ 320, por danos materiais.

Ele alegou que a imagem usada no site oficial do ex-parlamentar é de sua autoria e que, com o uso da fotografia, o político teria obtido vantagem eleitoral em detrimento de seu trabalho intelectual.

Em 1º grau, o juízo entendeu que a imagem não foi utilizada comercialmente, e julgou improcedente o pedido do autor.

Ao analisar recurso, o relator, juiz convocado Miguel de Britto Lyra, ponderou que o ex-senador ainda creditou o autor da foto na imagem, preservando seus direitos autorais.

“Como se não bastasse, o promovido também não cometeu ofensa a seus direitos autorais, pois colocou a foto em seu site e mencionou o nome do promovente da foto, conforme consta do documento trazido junto com a exordial.”

Para o magistrado, a questão deve ser decidida com base na teoria do ônus da prova, prevista no artigo 373 do CPC/15, o qual prescreve competir ao autor provar os fatos constitutivos de seu direito e, ao réu, o ônus de provar qualquer fato modificativo, extintivo ou impeditivo do direito do autor.

“No cenário dos autos, portanto, percebe-se que o apelante não comprovou a utilização indevida de seu trabalho fotográfico pelo réu, o que inviabiliza totalmente a pretensão”, concluiu.

O entendimento foi seguido à unanimidade pela 4ª câmara Especializada Cível do TJ/PB.

Fonte: https://goo.gl/cDxrQJ

Aproveite para rever mais dicas sobre direitos autorais nas suas apostilas, bibliografias e vídeos das aulas de fotografia dos cursos profissionalizante da Escola Focus.

 Autor disponibiliza foto, internet, forma gratuita, uso de imagem, Direitos Autorais, autorização do autor, indenização, danos materiais, fotografia escolas,

amazon, Focus escola de fotografia, aulas de fotografia, cursos de fotografia sp, escolas de fotografia EAD, escola focus, cursos de fotografia presencial SP, Enio Leite, curso de fotografia online, aula de fotografia, fotografia profissional, focusfoto, fotografia notícias

 

‘NUNCA HOUVE TANTAS FOTOS RUINS!”

por em .

Nunca houve tantas fotos ruins, Bob Wolfenson, fotografia de moda, fotógrafos brasileiros, Ciências Sociais, USP, gosto pela profissão, ensaios sensuais, fotografia cursos, amazon, Focus escola de fotografia, aulas de fotografia, cursos de fotografia sp, escolas de fotografia EAD, escola focus, cursos de fotografia presencial SP, Enio Leite, curso de fotografia online, aula de fotografia, fotografia profissional, focusfoto, fotografia notícias

Bob Wolfenson fala do impacto da tecnologia na fotografia

Revista Trip

Bob Wolfenson é um dos mais talentosos e renomados fotógrafos brasileiros. Paulistano do Bom Retiro, ele era comunista e estudava Ciências Sociais na USP, quando começou, por acaso, na fotografia.

Foi pegando gosto pela profissão aos poucos e, nos anos 80, depois de uma passagem por Nova York, caiu nas graças das revistas e marcas de moda. Na década de 90, se notabilizou com maravilhosos ensaios sensuais e colaborou com praticamente todas os veículos de comunicação do Brasil.

Apesar do sucesso com a moda, os nus e a publicidade, nunca se furtou de explorar novos territórios e lançou trabalhos belíssimos como a exposição A Caminho do Mar (2007), o livro Apreensões (2010) e a série NósOutros (2012).

Na conversa com o Trip FM, o fotógrafo fala da exposição Retratos, em exibição no Espaço Cultural Porto Seguro, em São Paulo. Bob também conta sobre sua época de militante, sobre o começo da carreira e reflete sobre as mudanças que a tecnologia vem causando no universo da fotografia: “Nunca houve tanta foto ruim”.

Fonte: https://goo.gl/ykJyFc

Aproveite para rever mais dicas sobre fotógrafos de moda nas suas apostilas, bibliografias e vídeos das aulas de fotografia dos cursos profissionalizante da Escola Focus.

SEMANAS DE MODA DE LONDRES E MILÃO PRESTAM HOMENAGEM A LARGERFELD

por em .

Semana de moda, Londres, homenagem, Karl Largerfeld, gerações de estilistas, fotografia de moda, moda britânica, fotógrafos, modelos, fotografia aulas, amazon, Focus escola de fotografia, aulas de fotografia, cursos de fotografia sp, escolas de fotografia EAD, escola focus, cursos de fotografia presencial SP, Enio Leite, curso de fotografia online, aula de fotografia, fotografia profissional, focusfoto, fotografia notícias

Estilista morreu nesta terça-feira (19) aos 85 anos

France Preese/G1

“Ele inspirou gerações de estilistas e seu legado perdurará”, afirmaram nesta terça-feira os organizadores das Semanas de Moda de Londres e Milão, prestando homenagem ao falecido estilista Karl Lagerfeld.

O número 180 da Strand, avenida movimentada em pleno coração de Londres, é o centro da semana de moda britânica. É um verdadeiro formigueiro ativo, misturando compradores, fotógrafos e modelos que correm entre um desfile e outro, além estilistas mais ou menos conhecidos.

Após realizar mais de 80 desfiles e apresentações desde a última sexta-feira, a Semana de Moda de Londres terminou nessa terça em um clima de tristeza.

“É uma perda muito grande. Sei que já não era jovem, mas eu não esperava. Uma notícia assim no último dia da Semana de Moda é tão triste”, disse emocionado Edson Toniato, estudante de moda vestido com terno preto e gola alta.

A notícia caiu como uma bomba ao meio-dia. “Soube no caminho para cá, foi uma comoção. Ainda não acredito”, disse a estudante de uma escola de moda londrina Niamh Kerins.

A emoção deixava rapidamente espaço para a homenagem. Para o público da Semana de Moda de Londres, o estilista alemão, que morreu aos 85 anos, era um “gigante” da moda, mas principalmente uma fonte de inspiração.

“É um momento histórico para a moda”, disse o espanhol David Martín, jornalista especializado em moda, lembrando a “audácia” de Lagerfeld, mas também sua capacidade de trabalho e sua tendência de “controlar tudo, até os mínimos detalhes”.

“Inspirou gerações e gerações”, disse, lembrando que, junto com os italianos Donatella Versace e Giorgio Armani, “esses gênios fizeram a indústria da moda que conhecemos hoje em dia. Sem eles, não estaríamos aqui”.

‘Esse dinamismo, essa paixão’

Em Milão, começaram nessa terça-feira os primeiros desfiles da Semana de Moda.

Dois dias antes da apresentação da nova coleção da Fendi, a última assinada por Lagerfeld, a emoção era palpável.

“Me entristece profundamente porque hoje perdemos um homem único e um estilista incomparável, que trouxe tanto para a Fendi e para mim”, disse Silvia Venturini Fendi, diretora criativa para as coleções masculinas.

“Quando vi Karl pela primeira vez, era só uma menina. Ele foi meu mentor e meu ponto de referência”. “Para Fendi e para mim, o gênio criativo de Karl foi e continuará sendo nosso guia e luz, dando forma ao DNA da marca”.

Em 1965, as cinco irmãs Fendi – Paola, Anna, Franca, Carla e Alda – chamaram o então jovem estilista alemão para trabalhar da marca romana. A colaboração durou mais de cinquenta anos, um recorde no mundo da moda. Muitas marcas italianas reagiram à notícia.

Em nome da Prada, que vai desfilar na quarta-feira à noite, Patrizio Bertelli e Miuccia Prada prestaram “uma homenagem à memória de Karl Lagerfeld, a seu talento como estilista que marcou a moda internacional”.

O diretor artístico da Gucci, Alessandro Michele, postou uma fotografia antiga em branco e preto de Lagerfeld nas redes sociais, acompanhada de um coração negro.

Carlo Capasa, presidente da Câmara Nacional da Moda Italiana, também elogiou a genialidade do estilista: “Você mudou o curso da moda, inspirou gerações e, principalmente, nos deu a oportunidade de sonhar”.

A jovem estilista britânica Kitty Shukman, de 24 anos, faz parte dessa geração inspirada por Lagerfeld. Graduada em 2018 no London College of Fashion, tem um pequeno estande na Semana de Moda de Londres, onde expõe suas criações: sapatos esportivos de estilo futurista.

“Durante meus estudos, sempre busquei referências em seu trabalho”, diz. Ela enaltece a capacidade de Lagerfeld de “trabalhar muito duro”. “Sua entrega à Chanel era incrível. É algo em que quero me inspirar para minha carreira: mostrar esse dinamismo, essa paixão”, disse.

Fonte: https://goo.gl/PpYjP4

Aproveite para rever mais dicas sobre fotografia de moda nas suas apostilas, bibliografias e vídeos das aulas de fotografia dos cursos profissionalizante da Escola Focus.

FOTOGRAFIA DE EVENTOS SOCIAIS – TCC

por em .

Fotografia de eventos sociais, fotografia de casamentos, rituais, celebridades, valor sentimental. eternizar, gerações fotografo profissional, fotografia escolas, Cursos de fotografia, Focus Escola de Fotografia, curso de fotografia, Trabalho de conclusão de curso, fotografia profissional, TCC,

Cena de casamento

CURSOS DE FOTOGRAFIA PROFISSIONALIZANTE – TRABALHOS DE ALUNOS – FOCUS ESCOLA DE FOTOGRAFIA – TCC

TEMA:   FOTOGRAFIA DE EVENTOS SOCIAIS
ALUNA:  CLAUDIA HELENA NEVES DOS SANTOS

FOCUS ESCOLA DE FOTOGRAFIA

São Paulo – SP
Fevereiro/2019

RESUMO:

 Na maioria das culturas os grandes momentos da vida são marcados por rituais e celebrações – na nossa já é tradicional registrar estes momentos em vídeo ou fotografias para poder revisitá-los para sempre.

O valor sentimental de um álbum de fotografias é inestimável, quase todas as famílias passam seus álbuns de casamento por gerações e fazem questão de eternizar também os casamentos das gerações mais novas!

Para este álbum se tornar realidade existem vários caminhos – que estão ainda mais expandidos com a popularização de câmeras digitais com uma resolução incrivelmente alta.

Hoje em dia quase todas as famílias têm acesso à uma boa câmera e, portanto, a possibilidade de fotografar as passagens importantes – mas para algumas destas passagens pode ser interessante a contratação de um profissional.

A presença de um fotógrafo contratado é valiosa por vários motivos: o primeiro e mais imediato é que ele tira uma preocupação do anfitrião e dos convidados – todos podem se distrair com a festa sem medo de perder um clique, ele está lá atento e pronto para isso, outro bom motivo é a qualidade das fotografias.

É claro que todos sabem tirar uma fotografia, a rigor é só apontar a câmera e apertar um botão, certo? Mais ou menos. Uma boa fotografia envolve muitos outros elementos: a iluminação, o enquadramento, o uso ou não do flash – entre muitos outros – fazem toda a diferença no resultado final.

E um fotógrafo, assim como qualquer outro profissional, se preparou muito para saber reconhecer e manipular todos os elementos para que este resultado final seja o melhor.

 Palavra chave: Fotografia de eventos sociais, fotografia de casamentos, rituais, celebridades, valor sentimental. eternizar, gerações fotografo profissional,, 

BAIXE ARQUIVO PDF:   ” FOTOGRAFIA DE EVENTOS SOCIAIS-TCC.pdf   “

FOCUS Escola de Fotografia –  http://focusfoto.com.br
Conheça os novos cursos da Focus: http://focusfoto.com.br/cursos/

Confira opinião de Ex-Alunos: https://goo.gl/yRlkM9
Fale com a Focus: [email protected]

Seja fotografo regulamentado
Obtenha seu registro Mtb de fotografo profissional
Referência em ensino de fotografia

A IMPORTÂNCIA DAS MÃOS EM ENSAIO FOTOGRÁFICO

por em .

importância das mãos, ensaio fotográfico, criar retrato, grandes expressões, elementos básicos, espectadores, momento da foto, ponteiros naturais, fotografia cursos, amazon, Focus escola de fotografia, aulas de fotografia, cursos de fotografia sp, escolas de fotografia EAD, escola focus, cursos de fotografia presencial SP, Enio Leite, curso de fotografia online, aula de fotografia, fotografia profissional, focusfoto, fotografia notícias

Ao criar um retrato, os fotógrafos procuram capturar grandes expressões ao posar os modelos, mas às vezes elementos básicos que podem distrair os espectadores podem passar desapercebidos

Resumo Fotográfico

Braços, mãos, dedos, pernas e pés, possuem uma forte presença dentro na fotografia conduzindo o olhar através da imagem, mas nem sempre recebem atenção no momento da foto.

Mesmo que o fotógrafo abra mão de um certo controle ao registrar alguns momentos espontâneos, é importante ficar atento a esses “ponteiros naturais” no momento da pose para que cada parte de uma imagem seja proposital. Em um vídeo publicado no canal SLR Lounge, são apresentados 5 exemplos que ilustram por que algo tão simples quanto a posição das mãos é tão importante.

À primeira vista, isso parece uma imagem sólida e íntima. A iluminação, a pose e as expressões ficaram ótimas. Porém, você notará quando seguir a linha do olho que leva ao braço antes de virar para trás e atrair nosso foco para a mão apontada, ou o ponto na jaqueta em que seu dedo parece apontar.

Isso não interrompe a imagem, mas uma pose melhor teria sido uma mão relaxada ou suave e aberta (veja abaixo). Lembre-se de observar as mãos/dedos flexionados.

Tenha cuidado com a região em torno da barriga

Nesta pose lúdica e íntima, as expressões e a iluminação também ficaram ótimas, mas os braços dos nossos modelos se encontram sobre a barriga; Naturalmente, nossos olhos também são conduzidos nessa direção. Compreender o quanto o peso visual que nossos ponteiros carregam é vital para usá-los propositalmente.

Para clientes que podem se sentir inseguros quanto ao seu peso ou tamanho, precisamos estar cientes de quanto a colocação de mãos e braços pode afetar a percepção da imagem. Devido à colocação das mãos e dos braços do casal, a pose acima teria funcionado bem para acentuar o estômago de uma gestante.

Use a posição das mãos para aumentar a ideia de intimidade

Para criar intimidade em um retrato, olhos e braços criam um loop contínuo. Com as mãos relaxadas ao redor do pescoço e os olhos de frente para ela, o foco permanece em seus rostos e a intimidade do momento não está perdida.

Aumentamos o número de pontos de contato colocando as mãos no pescoço e no peito em vez de mantê-los invisíveis e fora do quadro.

Use as mãos e direção do olhar para criar um loop visual

Em uma pose aberta, os casais viram os pés e o tronco em direção à câmera; Podemos então fazer micro ajustes nas mãos e na direção facial.

Mantenha ponteiros naturais dispersos na baía com direção menor. Na foto acima, ele foi orientado a colocar a mão no bolso e ela foi orientada a relaxar a mão com o buquê. Essas mudanças sutis mantêm nossos olhos em um loop contínuo entre nossos modelos.

Saiba quando quebrar as regras

Depois que o fotógrafo disse ao noivo, “Você pode me agradecer mais tarde por todas as sessões de pegação”, ele deu esse gesto de mão. Na maioria das vezes, essa imagem seria entregue porque é um momento fantástico e natural, e contribui para a história do dia.

Embora a colocação de mão incomum funcione bem nessa situação vale a pena relembrar que ponteiros naturais podem competir ou complementar nossa visão.

Neste caso, sem saber por que o noivo está fazendo isso, sua mão distrai nosso olho e compete por nossa atenção com o beijo. Embora este seja um momento brincalhão, ilustra o impacto que um gesto pode ter. É importante ter consciência do significado da colocação das mãos para que você decida como fazê-la funcionar para suas imagens.

Veja vídeo: https://www.youtube.com/watch?time_continue=1&v=XzChAF_q7GQ

Fonte: https://goo.gl/i6Q23s

Aproveite para rever mais dicas sobre fotografia e dicas nas suas apostilas, bibliografias e vídeos das aulas de fotografia dos cursos profissionalizante da Escola Focus.

MARINHEIRO DA ICÔNICA FOTO DA 2ª GUERRA FALECE AOS 95 ANOS

por em .

 Marinheiro, icônica foto, 2ª guerra, falece aos92 anos, George Mendonsa, fotos do século XX, instante do beijo, Alfred Eisenstaedt, rendição japonesa, fotografia aulas, amazon, Focus escola de fotografia, aulas de fotografia, cursos de fotografia sp, escolas de fotografia EAD, escola focus, cursos de fotografia presencial SP, Enio Leite, curso de fotografia online, aula de fotografia, fotografia profissional, focusfoto, fotografia notícias

George Mendonsa sofreu um derrame após queda no local onde vivia

Flavio S. Priori/FHOX

Faleceu aos 95 anos George Mendonsa, o marinheiro de uma das mais icônicas fotos do século XX.

O retrato foi tirado na Times Square logo após o anúncio do fim da Segunda Guerra Mundial. O instante do beijo foi registrado por Alfred Eisenstaedt.

Mendonsa vivia em um asilo na cidade de Middletown, Rhode Island e sofreu um derrame no último domingo após uma queda. A informação foi confirmada por sua filha, Sharon Molleur.

O momento do beijo aconteceu em 14 de agosto, dia da rendição japonesa. Eisenstaedt conta que estava pelo local acompanhando a festa quando reparou no marinheiro beijando a moça.

Foi um momento de reflexo. Nunca perguntou seus nomes. Mendonsa, apesar de sempre afirmar que era ele na foto, só teve a identidade confirmada recentemente, após a análise do rosto.

A mulher da foto é Greta Zimmer Friedman, auxiliar de dentista. Ela era austríaca e chegou aos EUA em 1939, fugindo do nazismo.

Ela faleceu em 2016 aos 92 anos de idade. Em relatos, ambos afirmaram que não se conheciam e só foram descobrir os nomes um do outro  anos mais tarde.

Fonte: https://goo.gl/yD2tSJ

Aproveite para rever mais dicas sobre fotografia e notícias nas suas apostilas, bibliografias e vídeos das aulas de fotografia dos cursos profissionalizante da Escola Focus.