Blog Focus

Informações, artigos, aulas, tutoriais e novidades
sobre o mundo da fotografia

TJ-SP reforma sentença para indenizar fotógrafo vítima de contrafação

por em .

direito autoral, indenização, escola focus, escola de fotografia, cursos de fotografia, aulas de fotografia
A apelação do fotógrafo Giuseppe Silva Borges Stuckert foi provida em parte pelo TJ-SP para reformar a sentença que indeferiu os pedidos de indenização do apelante em face de Presley Tur – Excursões e Turismo, empresa turística que teria cometido contrafação.

Flavia Costa/Juristas

Narra o fotógrafo que uma fotografia
de sua autoria foi utilizada na rede social da apelada para divulgação de
pacotes turísticos sem que ele tivesse autorizado.

Diante da sentença de improcedência, o fotógrafo,
representado por Wilson Furtado Roberto, fundador do escritório de advocacia
Wilson Roberto Consultoria e Assessoria Jurídica, apelou ao TJ-SP reafirmando
suas alegações.

O desembargador entendeu que houve violação de
direitos autorais diante do uso não autorizado de imagem. Ele pontuou que a
fotografia estava registrada na Biblioteca Nacional.

Para ele, houve dano material, que arbitrou em R$
1.500,00, valor comercial da imagem. No mesmo sentido, o dano moral, que é
presumido no caso, que foi arbitrado em R$ 500,00 diante das particularidades
do caso.

O magistrado, além de condenar a empresa às
indenizações, condenou-a na obrigação de indicar o nome do requerente como
autor da fotografia.

Fonte
https://bit.ly/2MgovJX

Aproveite para conferir mais notícias
sobre direitos autorais no blog da Escola Focus.

#direitoautoral
#noticias #focus #focus_escola_de_fotografia 
#focusfoto #focus_fotografia #alunos_fotografia #cursos_fotografia
#escolas_de_fotografia  
#aulas_fotografia  #enio_leite  #cursosdefotografia

Dia Mundial da Fotografia: Brasil é um dos que mais envia foto no Facebook

por em .

dia mundial da fotografia, focus escola de fotografia, focus cursos de fotografia
Facebook: Brasil entre os países que mais compartilham imagem — Foto: Bruno Soares/TechTudo

Bruno Soares/TechTudo

Dados revelam hábitos de compartilhamento de fotos entre usuários da rede social.

Os dados também trazem informações sobre os filtros
mais populares. Na câmera do Facebook, os campeões foram o “Black Fedora
with Sunglasses” (Chapéu preto com óculos escuros), “Tunnel
Zoom” e Tulipas. Já no Messenger, os temas “Cat on head” (Gato
na cabeça), “Margaridas” e “Coração” foram os que mais
conquistaram o público. No ano passado, o dia 31 de dezembro, véspera de
ano-novo, foi a data com maior volume de postagem e envio de fotos nos dois
serviços.

Neste sábado (19 de agosto) é celebrado o Dia Mundial
da Fotografia. Para comemorar, o Facebook divulgou dados relacionados ao
compartilhamento de fotos na rede social e no Facebook Messenger, e o Brasil
aparece em destaque. Estamos entre os dez países que mais postaram fotos entre
agosto de 2016 e agosto de 2017 — a rede social selecionou dez nações, mas não
as organizou em ranking. No mesmo período, também ganhamos destaque no
compartilhamento de imagens no mensageiro.

Essa não é a a primeira vez em que o Brasil entra em
um ranking da rede social de Mark Zuckerberg. No começo deste ano, o país
entrou para o top 10 dos países que mais utilizam o Facebook Reactions. Em
2016, foi revelado, durante a Campus Party, que 8 a cada 10 brasileiros estão
conectados ao serviço.

Fonte: https://glo.bo/2Eg9kgN

Aproveite para conferir mais notícias
sobre fotografia no blog da Escola Focus.

#diamundialfotografia
#fotógrafo #noticias #focus #focus_escola_de_fotografia  #focusfoto #focus_fotografia
#alunos_fotografia #cursos_fotografia #escolas_de_fotografia   #aulas_fotografia  #enio_leite  #cursosdefotografia

O COMPORTAMENTO DO FOTÓGRAFO AFETA A PERCEPÇÃO DO CLIENTE

por em .

comportamento, fotógrafo, cliente, escola focus, escolas de fotografia, cursos de fotografia
Como fotógrafos, tendemos a nos concentrar no resultado final – as imagens.

Queremos continuar a elevar o nível
do casamento depois do casamento, e às vezes, ao fazê-lo, podemos correr o
risco de perder a noção do fato de que um casamento não é nossa sessão de fotos
projetada exclusivamente para melhorar nosso portfólio.

Resumo Fotográfico

Lembre-se de que, por mais belas que sejam as imagens
feitas, essas imagens sempre serão julgadas à luz da experiência do seu
cliente. Eu chamo isso de “o custo da percepção” e eu sempre mantenho
isso em mente em um dia de casamento.

Quanto de um esforço para o meu casal esta imagem vai
envolver? Estou arruinando os sapatos dela fazendo-a andar naquela praia
molhada? Tenho certeza de que eles prefeririam não aproveitar a hora do
coquetel em vez de dirigir até aquele local secundário para conseguir mais um
tiro épico que quebraria meu Instagram?

Eu realmente preciso atravessar o altar agora para
tirar aquela foto de um ângulo mais dramático? Essa imagem vale a pena obstruir
a visão da mãe da noiva por alguns segundos?

O dano de percepção não pode ser desfeito e, portanto,
não posso recomendar o suficiente para garantir que seu comportamento no dia do
casamento se torne um de seus ativos mais fortes.

1. Não seja um paparazzo

Não seja o fotógrafo estranho bisbilhotando as
pessoas, deixando-as desconfortáveis. Ninguém gosta de estranhos enfiando
lentes na cara ou tendo a sensação de estar olhando do outro lado da sala. Seja
uma parte do casamento, não uma testemunha olhando de fora.

Converse com as pessoas, faça amigos, seja o cara
legal com aquela incrível câmera generosamente fazendo memórias para todos
aproveitarem. Quando você tira um retrato de convidado, caminhe até o assunto,
pergunte se você pode tirar uma foto, faça em menos de 3 segundos, diga algo
legal e saia do cabelo.

Há momentos para ser discreto (a cerimônia, por
exemplo), mas quando o assunto está ciente de você tirar uma foto deles, seja
assertivo e confie nisso. Sorria e continue andando. Eu tento nunca ficar no
mesmo lugar em uma sala por mais de 30 segundos. E, aliás, Vestir-se como um
ninja não o tornará invisível! Saiba que as pessoas estão sempre cientes de
você e tentar se esconder fará com que você pareça inseguro. Basta lembrar que
eles realmente querem você lá e lhe pagaram (espero) muito dinheiro para fazer
isso, então não seja um estranho!

2. Não seja carente

Seus clientes estão se casando, eles não querem ter
que gerenciar o fotógrafo. Certifique-se de que todas as expectativas e
requisitos foram discutidos antes do dia. No dia de hoje, não seja uma diva e
apenas role com qualquer frustração que você possa experimentar secretamente.
Dê aos seus clientes o prazer de um dia sem confrontos.

3. Seja o guia de boas vibrações

O noivo esqueceu a licença de casamento em casa, os
fornecedores deixaram cair o bolo no chão, as damas de honra perderam a noção
do tempo, o casamento está atrasado duas horas, está começando a chover como se
fosse o fim dos tempos, a noiva está em lágrimas porque há uma enorme marca de
batom em seu vestido de grife, e basicamente todo mundo está correndo como uma
galinha decapitada. Seja o supremo fornecedor de calma e positividade. Sua
agulha nunca se move de “este é o melhor dia de todos os tempos”.
Seus clientes vão lembrar sua presença calmante através da montanha-russa.

4. Esteja atento ao uso do flash

Não estrague a primeira dança bombardeando o casal com
rajadas de flash. Você precisa apenas de algumas fotos. Meu flash é sempre
ajustado para 1/64 de energia e eu nunca o aponto para crianças. Não faça os
convidados dirigirem para casa reclamando do quanto o fotógrafo era detestável
com seu flash durante a festa. Uma boa pista de que você está incomodando as
pessoas é quando elas começam a dançar de costas para você.

5. Trate o casal e seus convidados
como se fossem da família

Tente construir uma conexão autêntica com o casal para
romper uma relação entre o empregado e o cliente. Tente lembrar mais nomes do
que apenas sua noiva e noivo. Converse com os pais, brinque com os homens do
noivo, compartilhe aquela dose de tequila com a festa nupcial. Quando sentem
que contrataram um artista para documentar seu casamento, que também se
preocupa com eles e suas famílias, é provável que retribuam e valorizem seu
trabalho de forma diferente do que se contratassem apenas outro vendedor com um
olho no relógio e outro no talão de cheques. Dê aos seus clientes mais do que
imagens; compartilhar uma experiência genuína juntos.

Fonte: https://bit.ly/302Olo3

Aproveite para conferir mais notícias
sobre fotografia no blog da Escola Focus.

#percepção  #fotógrafo #noticias #focus
#focus_escola_de_fotografia  #focusfoto
#focus_fotografia #alunos_fotografia #cursos_fotografia
#escolas_de_fotografia  
#aulas_fotografia  #enio_leite  #cursosdefotografia

FOTOGRAFANDO PAISAGENS – EXERCÍCIOS DE EXPOSIÇÃO

por em .

fotografia, paisagens, focus escola de fotografia, focus cursos de fotografia, aulas de fotografia, enio leite
O segredo é saber quando é hora de deixar sua câmera decidir e quando é hora de exercer mais controle.

A DSLR é uma arma poderosa,
capaz de ajustar exposições bastante complexas, sem a sua intervenção, mas há
duas regras básicas que qualquer recruta precisa aprender.

Primeiro, é preciso ter mais
cuidado com a exposição em fotos de alto contraste, quando há fontes de luz
brilhantes e áreas de4 sombra na mesma cena, seja de dia, ou de noite. Nessas
circunstâncias, a câmera não consegue expor todas as áreas corretamente, e
precisa de ajuda para definir as estratégias.

Segundo, com câmeras DSLRs é
absolutamente imperdoável deixar que as áreas brilhantes de sua foto queimem,
fazendo com que as altas-luzes virem um borrão branco irrecuperável.

Kit de Inspeção

Fundamentos para Melhores Exposições

Filtro ND Graduado

As DSLRs não lidam bem com alto
com contraste. Use um filtro ND Grad para reduzir a diferença de brilho entre o
céu e a terra. Esses filtros oferecem densidades variadas; um bom começo é um
modelo de dois pontos para contornos suaves.

Despertador

Acorde cedo, paisagens ficam mais
belas quando o sol ainda está baixo no céu. Há mais sombras na superfície, a
luz é menos dura e muda muito rapidamente, o que garante uma enorme variedade
de tons.  

DICA TÉCNICA:  RESPEITAR AS LEIS DE RECIPROCIDADE

Controlar exposição é como encher
um copo com água

  • O quanto você abre a torneira é a abertura.
  • A pressão da água é a intensidade da luz.
  • A velocidade do obturador é quanto tempo você deixa a torneira aberta; se a luz é baixa, você abre mais a torneira ou deixa a água correr por mais tempo (ou ombros).
  • ISO é o tamanho do copo. Para pouca luz, você pode usar um ISO alto (um copo menor).
  • Não existe uma “exposição perfeita” como regra.

Aproveite para rever mais dicas sobre fotografia de paisagens nas suas apostilas, bibliografias e vídeos das aulas de fotografia dos cursos profissionalizante da Escola Focus.

CONFIRA TCC DE ALUNOS DA ESCOLA FOCUS!  https://focusfoto.com.br/tag/tcc/

Opinião de Ex- Alunos que estudaram na FOCUS! https://goo.gl/C235XR
Blog de Fotografia:  https://focusfoto.com.br/blogs/

Flickr – Foto Galeria dos Alunos da Escola Focus
https://www.flickr.com/photos/focus_escola_de_fotografia/

#fotografia_paisagens #dicas_fotografia
#escola_focus #focus #focus_escola_de_fotografia  #focusfoto #focus_fotografia
#alunos_fotografia #cursos_fotografia #escolas_de_fotografia
#aulas_fotografia  #enio_leite    #cursosdefotografia   

NÃO É SÓ GLAMOUR!

por em .

fotografia de moda, glamour, escola focus, enio leite, escolas de fotografia, cursos de fotografia, focusfoot
O universo da fotografia de moda é visto com glamour, mas para um profissional se firmar nesse segmento precisa ralar bastante

Primeiro deve ir além de dominar a técnica. É necessário conhecer o meio, estar a par do mundo da moda, saber das tendências em roupas, acessórios, maquiagem e cabelo antes mesmo de ir para trás da câmera.

Ou seja, estar inserido no universo fashion é fundamental!

Saber sobre moda não significa
que o fotógrafo precisa ser uma vítima das tendências. O objetivo é outro.

A fotografia de moda pode ser
definida como um fotojornalismo da roupa. Nos primórdios era simplesmente uma
documentação, mas depois passou a ser uma narrativa, uma visão pessoal do
fotógrafo ao interpretar a coleção proposta por um eletricista. Por isso é
necessário que o fotógrafo seja especialista para entender o contesto.

Diferente da publicidade, na
fotografia de moda não existe um layout proposto. E apenas em grandes campanhas
a figura de um editor de arte de moda está presente para fazer o meio, campo
entre estilista e fotógrafo.

Na maioria dos casos, o fotógrafo
é o responsável pela ideia da campanha. Também é ele quem entra em contato direto
com o cliente (que pode ser uma confecção de grife). Há ainda a possibilidade
de ele ser indicado por um produtor de moda ou ser contratado por uma agência.

Produzir campanhas publicitárias,
editoriais, catálogos, look books, material para redes sociais e cobrir
desfiles são algumas das funções de um fotógrafo de moda. O glamour foi muito
mais forte antes da era digital, e grandes nomes da fotografia mundial, como
Irving Penn, Richard Avedon, Man Ray, fizeram fama em editoriais e campanhas de
moda em revistas como Vogue e Harper´s Bazaar.

Mas a fotografia de moda ainda é
cercada de muito frisson e se mantém como um dos segmentos mais respeitados.

Aproveite para rever mais dicas sobre fotografia de moda nas suas apostilas, bibliografias e vídeos das aulas de fotografia dos cursos profissionalizante da Escola Focus.


CONFIRA TCC DE ALUNOS
DA ESCOLA FOCUS! 
https://focusfoto.com.br/tag/tcc/

Opinião de Ex- Alunos que estudaram na
FOCUS!
https://goo.gl/C235XR
Blog de Fotografia:  https://focusfoto.com.br/blogs/

Flickr – Foto Galeria dos Alunos da Escola Focus
https://www.flickr.com/photos/focus_escola_de_fotografia/

#moda #glamour #fotomoda #dicas_fotografia
#escola_focus #focus #focus_escola_de_fotografia  #focusfoto #focus_fotografia
#alunos_fotografia #cursos_fotografia #escolas_de_fotografia
#aulas_fotografia  #enio_leite    #cursosdefotografia   

ETIENNE – JULES MAREY – França: 1830 – 1904

por em .

Etienne-Jules Marey, história da fotografia, focus escola de fotografia, focus cursos de fotografia
Voo do pelicano – foto de Etienne-Jules Marey

Como Muybridge, o fotógrafo francês Etienne-Jules Marey era obcecado por fotografar o movimento.

Depois de ver as fotos de
Muybridge dos cavalos correndo, Marey viu-se determinado a fotografar o
movimento de aves voando.

Ele inventou um disparador
fotográfico com uma mira de rifle e um mecanismo de relógio que, quando o
obturador era acionado, produzia uma sequência rápida de doze exposições.

Marey chamou suas fotos de
“cronofotografia”, um processo que deu origem à cinematografia.

Essa foi uma das mais importantes invenções na história da fotografia.

Aproveite para rever mais dicas sobre a história da fotografia nas suas apostilas, bibliografias e vídeos das aulas de fotografia dos cursos profissionalizante da Escola Focus.

CONFIRA TCC DE ALUNOS DA ESCOLA FOCUS!  https://focusfoto.com.br/tag/tcc/

Opinião de Ex- Alunos que estudaram na FOCUS! https://goo.gl/C235XR
Blog de Fotografia:  https://focusfoto.com.br/blogs/

Flickr – Foto Galeria dos Alunos da Escola Focus
https://www.flickr.com/photos/focus_escola_de_fotografia/

#históriadafotografia #dicas_fotografia
#escola_focus #focus #focus_escola_de_fotografia  #focusfoto #focus_fotografia
#alunos_fotografia #cursos_fotografia #escolas_de_fotografia
#aulas_fotografia  #enio_leite    #cursosdefotografia   

CONFIGURAÇÕES DO FLASH

por em .

configurações de flash, potência, escola focus, escola de fotografia, focusfoto, cursos de fotografia, enio leite
Você vai configurar seu flash para o modo manual, tanto o pop up da câmera, quanto o sppedlite, então poderá controlar sua potência simplesmente aumentando ou diminuindo manualmente, em vez de seu flash tomar essas decisões por você, o que não é nada impressionante

Então, configure seu flash
para disparar no modo manual (M). (Fato esquisito: se tiver um flash speelite,
configure-o no modo ETTL no próprio flash, mas no rádio transmissor TTL, em
cima da câmera, selecione o modo manual e ele controla o flash manualmente
.

 Não faz um pingo de sentido para nós, mas é
assim que funciona). Agora isso é importante, deixe a potência do seu flash em
¼ (você pode ter que diminuir posteriormente, mas esse é um bom ponto de
partida).

Aproveite para rever mais dicas sobre fotografia e técnicas de flash nas suas apostilas, bibliografias e vídeos das aulas de fotografia dos cursos profissionalizante da Escola Focus.

CONFIRA TCC DE ALUNOS DA ESCOLA FOCUS!  https://focusfoto.com.br/tag/tcc/

Opinião de Ex- Alunos que estudaram na FOCUS! https://goo.gl/C235XR
Blog de Fotografia:  https://focusfoto.com.br/blogs/

Flickr – Foto Galeria dos Alunos da Escola Focus
https://www.flickr.com/photos/focus_escola_de_fotografia/

#configurações_flash #dicas_fotografia #escola_focus
#focus #focus_escola_de_fotografia 
#focusfoto #focus_fotografia #alunos_fotografia #cursos_fotografia
#escolas_de_fotografia #aulas_fotografia 
#enio_leite   
#cursosdefotografia   

RETRATOS DA NOIVA

por em .

retratos da noiva, focus escola de fotografia, focus cursos de fotografia, focus fotografia
Para os retratos formais da noiva (procure fazê-lo bem antes da cerimônia), use um softbox, da Atek ou Mako, montando o monopé, com um amigo ou assistente o segurando ou em um suporte de iluminação

Se o fotografar em uma igreja
ou recepção do hotel etc., use essas configurações padrões na câmera:

Velocidade do obturador: 1/125

Abertura do diafragma: f/5.6

ISO: 100

Configuração de Potência do Flash: ¼

Faça um a foto teste e verifico
se é necessário diminuir a potência do flash (situação comum em igrejas
escuras). Se eu quiser mais luz ambiente (para equilibrar com a do flash),
diminuiria a velocidade do obturador (isso controla a luz ambiente) de 1/125
para 1/80.

Talvez você tenha que reduzi-la
para 1/60, ou 1/30, para balancear. Se for uma igreja muito iluminada, você
terá que seguir outro caminho, aumentando a velocidade do obturador para 1/200
ou 1/250 (praticamente o limite sem partir para o sincronismo em alta
velocidade).

 Para uma luz suave, mantenha o softbox perto
da noiva – na borda do enquadramento. Se precisar que a luz fique ainda mais
suave, desvio-o para que seu centro não aponte diretamente para a noiva.

Aproveite para rever mais dicas sobre
fotografia de casamentos nas suas apostilas, bibliografias e vídeos das aulas
de fotografia dos cursos profissionalizante da Escola Focus.

CONFIRA TCC DE ALUNOS DA ESCOLA FOCUS!  https://focusfoto.com.br/tag/tcc/

Opinião de Ex- Alunos que estudaram na FOCUS! https://goo.gl/C235XR
Blog de Fotografia:  https://focusfoto.com.br/blogs/

Flickr – Foto Galeria dos Alunos da Escola Focus
https://www.flickr.com/photos/focus_escola_de_fotografia/

#fotografiacasamento #dicas_fotografia
#escola_focus #focus #focus_escola_de_fotografia  #focusfoto #focus_fotografia
#alunos_fotografia #cursos_fotografia #escolas_de_fotografia #aulas_fotografia  #enio_leite   
#cursosdefotografia   

USANDO LCD EM SUA CÂMERA

por em .

câmera DSLR, visor LCD, escola focus, cursos de fotografia, escola de fotografia, enio leite, focusfoto
Há um novo recurso interessante em algumas DSLRs que permite utilizar o monitor LCD na parte de trás da câmera como um visor, assim você pode compor e fotografar apenas com ele, como uma câmera compacta

Agora, isso talvez pareça
atraente, mas veja: em algumas câmeras, ao visualizar a cena na tela LCD, na
verdade você pode alternar entre diferentes configurações de balanço de branco
e ver imediatamente como será a aparência de cada configuração para essa cena
específica.

Isso torna a seleção de um
balanço de branco com uma aparência ótima absolutamente simples – role pela
lista e quando vir uma que parece boa, pare. Teste-a uma vez e você utilizará
repetidas vezes (especialmente fácil quando você usa um tripé).

Outro motivo para usar o monitor
LCD na parte de trás da câmera é ver se você “fez a foto”. E por “fazer a foto”
quero dizer que você pode verificar na hora se a pessoa sendo fotografada
piscou quando a foto foi feita, se o flash foi realmente disparado, esse tipo
de coisa; mas há uma potencial armadilha que pega muitos fotógrafos. Como a
tela LCD é muito pequena, ela também pode enganá-lo.

Tudo parece estar em foco em um
pequeno monitor de 3 (pense nisso dessa maneira: mesmo a tela do celular é
maior do que isso)! Depois de abrir essa foto em seu computador, talvez você
descubra que a principal fofo da sessão de fotos está terrivelmente fora de
foco (ou a câmera focalizou o objeto errado, de tal modo que o fundo está com
foco muito nítido e o tema desfocado).

Na verdade, isso acontece muito
porque (agora, ao mesmo tempo) tudo parece em foco na tela LCD. Portanto, é
absolutamente necessário dar um zoom e verificar o foco regularmente durante a
sessão de fotos. Se você não fizer isso, você terá uma surpresa desagradável ao
descarregar as fotos mais tarde.

Outra maneira de a tela LCD torná-lo
um fotógrafo melhor é por meio do feedback instantâneo e criativo. Se você
fizer uma foto, examiná-la no LCD e não gostar do que vir, o desafio será
pensar em algo melhor. Esse desafio faz você trabalhar a tonada, tentar novos
ângulos, ser mais criativo até que, por fim, aquilo que você vir no monitor
seja aquilo que pensou originalmente ao faze a foto.

Aproveite para rever mais dicas sobre fotografia e visores LCD nas suas apostilas, bibliografias e vídeos das aulas de fotografia dos cursos profissionalizante da Escola Focus.

CONFIRA TCC DE ALUNOS DA ESCOLA FOCUS!  https://focusfoto.com.br/tag/tcc/

Opinião de Ex- Alunos que estudaram na FOCUS! https://goo.gl/C235XR
Blog de Fotografia:  https://focusfoto.com.br/blogs/

Flickr – Foto Galeria dos Alunos da Escola Focus
https://www.flickr.com/photos/focus_escola_de_fotografia/

#visorLCD #câmeras #dicas_fotografia #escola_focus #focus #focus_escola_de_fotografia  #focusfoto #focus_fotografia #alunos_fotografia #cursos_fotografia #escolas_de_fotografia #aulas_fotografia  #enio_leite    #cursosdefotografia   

DE VOLTA AO BÁSICO – APRENDA A LIDAR COM ABERTURA, VELOCIDADE E ISO

por em .

triângulo da exposição, focus escola de fotografia, focus cursos de fotografia, focus fotografia, enio leite
Criar uma exposição harmoniosa com a abertura, a velocidade do obturador e o ISO requer habilidade

A sua decisão sobre um
elemento afeta os demais.

O segredo é fazer com que os três
trabalhem em conjunto, só assim você terá domínio completo sobre a sua câmera.
Para começar é preciso estender os conceitos básicos de velocidade do obturador
(quanto tempo o sensor da câmera fica exposto à luz), abertura (a quantidade de
luz que as lentes deixam entrar, o que também afeta a profundidade de campo) e
ISO (o nível de sensibilidade do sensor). Depois de compreender como esses
elementos interagem, não haverá foto que você não consiga fazer.

O TRIÂNGULO DE EXPOSIÇÃO

Entenda como funciona a exposição, seguindo este infográfico
triangular.

A relação entre a velocidade do
obturador, a abertura e o ISO é a alma da fotografia.

Até algum tempo atrás, a
velocidade do obturador e a abertura eram as únicas variáveis de exposição que
podiam ser alteradas de uma foto para outra, porque o ISO predefinido pelo tipo
de filme que estava em uso. A chegada das câmeras digitais, porém, tornou
possível alterar o ISO a qualquer momento. Os fotógrafos nunca tiveram tanto
controle sobre a exposição.

FIQUE ATENTO A VELOCIDADE

Micro frações de segundo fazem uma enorme diferença para suas fotos.

A duração de uma exposição é
controlada pelo obturador da câmera, um mecanismo que abre e fecha muito
rapidamente quando você aperta o botão de disparo. Com o botão pressionado, o espelho
levanta, uma cortina metálica se abre e se expõe o sensor. Quando esse sensor é
exposto à luz, a imagem é registrada.

Geralmente, o obturador fica
aberto por uma fração de segundo, tempo suficiente para captar uma imagem.
Velocidades altas são ótimas para congelar ações ou para situações em que há
muito brilho; já as velocidades baixas são perfeitas para captar o movimento da
água ou para realçar detalhes em situações de pouca iluminação.

Porém, se a velocidade for muito
baixa, objetos em movimento parecerão borrados.

Regra de Ouro

É uma boa ideia usar um tripé
quando a velocidade do obturador for mais lenta do que a maior distância focal
da sua lente.

Por exemplo, se usar uma lente
80-200 mm, considere o uso de um tripé para exposições mais lentas do que
1/200s.

1/1000s

Um milésimo de segundo é uma
velocidade rápida. Ela congela o movimento da água.

1/60s

Uma fração de 1 segundo mantém
alguma definição da água, que começa a borrar em direção ao ralo.

1/8s

Em um oitavo de segundo, o borrão
transforma a água em uma massa líquida, sem definição.

1s

Com um segundo de exposição, o
borrão caba com toda definição e todo contraste da água.

Aproveite para rever mais dicas sobre fotografia básica  nas suas apostilas, bibliografias e vídeos das aulas de fotografia dos cursos profissionalizante da Escola Focus.

CONFIRA TCC DE ALUNOS DA ESCOLA FOCUS!  https://focusfoto.com.br/tag/tcc/

Opinião de Ex- Alunos que estudaram na FOCUS! https://goo.gl/C235XR
Blog de Fotografia:  https://focusfoto.com.br/blogs/

Flickr – Foto Galeria dos Alunos da Escola Focus
https://www.flickr.com/photos/focus_escola_de_fotografia/

#triangulo_da_exposição  #dicas_fotografia #escola_focus #focus
#focus_escola_de_fotografia  #focusfoto
#focus_fotografia #alunos_fotografia #cursos_fotografia #escolas_de_fotografia
#aulas_fotografia  #enio_leite    #cursosdefotografia