De bicicleta, fotógrafo que capta imagens pelo Brasil chega ao Amapá

em Artigos e Entrevistas, dicas de fotografia.

Ciclista, fotógrafo paulistano, viajar pelo Brasil, duas rodas, fotolivros, pré venda, jornada,    (11) 3107 2219,    aulas de fotografia, focus escola de fotografia, vaga fotografo, focus fotografia , cursos de fotografia online, lola,  cursos de fotografia,  curso de fotografia, escolas de fotografia sp, curso focus, focus foto, cursos vips de fotografia, fotografia curso, cursos fotografia de moda, curso fotografia publiciária, curso de fotografia de produtos, curso foto moda, curso fotografia para books, curso de fotografia de moda, curso fotografia moda e beleza, fotografia curso, Cursos de fotografia zona leste sp, cursos de fotografia zona sul sp, cursos de fotografia zona oeste sp, cursos de fotografia em santos, cursos de fotografia online, escola de fotografia, fotografia, escola focus,    curso de fotografia em sp, escola focus foto, fotografia focus são Paulo,  fotografe melhor,  melhor curso fotografia do Brasil, curso de fotografia em sp, cursos de fotografia zona leste sp,  aulas de fotografia sp, escola focus, cursos vips de fotografia sp, enio leite, curso de photoshop  sp,   melhor curso intensivo de fotografia sp,  dicas de fotografia, curso fotografia de moda, focus escola de fotografia,  cursos de fotografia focus,  melhores escolas de fotografia do Brasil,  melhores cursos de fotografia do Brasil, focus foto, curso de fotografia em sp , notícias sobre fotografia, cursos de fotografia sp, cursos de fotografia zona leste sp, cursos de fotografia zona central sp,  cursos de fotografia zona sul sp, focus foto, curso técnico de fotografia sp, melhores cursos técnicos de fotografia sp,  melhor escola  de fotografia  para profissionais do mundo , melhores escolas de fotografia sp, curso para fotografo profissional, cursos de fotografia zona oeste sp, cursos de fotografia zona norte sp, cursos de fotografia em Santos, cursos de fotojornalismo,              curso técnico de fotografia, cursos técnicos de fotografia, curso profissionalizante de fotografia em sp, cursos profissionalizantes de fotografia em sp, fotógrafo, quanto vale o seu trabalho?,  curso de fotografia sp, curso de fotografia, focus, fotografia, focus fotografia, escola focus,             aulas de fotografia profissional, aulas cursos online de fotografia,  aulas vips de fotografia, , melhor escola de fotografia de São Paulo,

Amapá é o décimo quinto estado visitado por Felipe Baenninger (Foto: Jéssica Alves/G1)

Felipe Baenninger pretende criar um fotolivro com imagens da jornada.

O Amapá é o décimo quinto estado brasileiro que o fotógrafo paulistano Felipe Baenninger, de 27 anos, visita com o objetivo de captar histórias e imagens para a produção de um fotolivro, previsto para ser lançado em 2016. Ele, que idealizou o projeto “Transite – Os [email protected] e suas Bicicletas’, chegou a capital Macapá na terça-feira (21).

O ciclista, que mora na capital de São Paulo, iniciou sua jornada em 1º de junho de 2013, em Porto Alegre (RS). Ele já visitou estados da região Sul, Sudeste, Centro-Oeste, Norte e após o Amapá, continuará sua jornada pela Ilha do Marajó, no Pará, e estados do Nordeste e o Distrito Federal.

Quando chegou a Macapá, ele percorreu cerca de 16 mil quilômetros. Por onde passa Baenninger procura por ciclistas, desde aqueles que necessitam da bicicleta para trabalhar, estudar ou até os que a utilizam para a prática de esporte e lazer, para colher suas histórias e relações com o meio de transporte e a cidade.

“Tenho a bicicleta como um objeto transformador da minha vida. Morando em São Paulo, tinha problemas com o trânsito caótico, então decidi começar a ir para o trabalho pedalando.

Foi a partir daí que percebi que esse transporte mudou a minha visão sobre a dinâmica da cidade”, conta Felipe. No fotolivro, Felipe contará sobre a cultura da bicicleta no Brasil, e para isso terá o apoio de pessoas de todas as partes do país, com fotos e relatos do uso no dia a dia.

Em Macapá, o ciclista afirma que está em busca de novas histórias e debates em relação ao meio de transporte. “Em cerca de 24h na cidade, percebi que muitos ciclistas em Macapá utilizam a bicicleta como meio para trabalhar. Por isso quero entender a necessidade de quem usa, para buscar promover um meio de transporte mais sustentável, e a bicicleta ajuda a construir uma cidade mais amiga e humana”, explica.

Jornada 

Segundo ele, a vontade de viajar pelo Brasil sobre duas rodas é antiga. Felipe afirma que passou a se encantar com as paisagens que não percebia tanto quando viajava de carro. O trajeto feito de bicicleta até o trabalho passou a ser prazeroso, e o fotógrafo mudava o percurso diariamente para observar novas paisagens e lugares.

De acordo com ele, em dois anos, 90% do percurso da jornada foi feito em cima da bicicleta. Em regiões alagadas e com estradas que oferecem risco, Baenninger opta por pegar uma carona – de ônibus, de carro ou de barco. Para chegar ao Amapá, ele viajou em uma embarcação. Por onde passa, ele é acolhido por ciclistas das cidades. Para garantir o recurso da viagem, ele vendeu, através do site do projeto, antecipadamente, os fotolivros que ainda nem ficaram prontos.

Com as pré-vendas ele conseguiu arrecadar R$ 20 mil, dinheiro que utiliza na viagem pelo Brasil. Além disso, o fotógrafo conta com a ajuda de amigos que faz durante a jornada. “Conheço ciclistas nas cidades por onde passo que muitas vezes me ofertam hospedagem e até alimentação, que aceito apenas quando não consigo sacar o dinheiro da pré-venda no banco”, explica.

Baernninger optou por bancar a viagem com, além da pré-venda dos livros, recursos próprios e uma campanha de financiamento popular pela internet. Dependo especificamente de quem acredita no projeto. Ele não foi feito para o lucro pessoal e sim pensando nas pessoas que querem finalizar esta jornada.  Por isso, investem o dinheiro necessário para fazer acontecer”, ressalta.

Mobilidade

A mobilidade nos centros urbanos é um dos grandes motivadores do projeto “Transite”, que segundo o fotógrafo, além do fotolivro, busca promover debates sobre os meios de transportes nas cidades. “Buscamos ouvir a realidade dos ciclistas e dos moradores dos centros urbanos.

O livro tem esse objetivo de falar sobre a bicicleta no Brasil por meio dessa jornada. Algo que lida com a vida das pessoas. O documento busca valorizar a imagem da bicicleta, como mais do que uma alternativa, mas um caminho a ser seguido na questão da mobilidade urbana”, completa.

Fonte: http://glo.bo/1DGS47i     

FOCUS Escola de Fotografia – Desde 1975: http://focusfoto.com.br 
Conheça os cursos da Focus: 
http://focusfoto.com.br/cursos/ 
Fale com a Focus: 
[email protected] 
Veja  Ultimas Noticias sobre Fotografia: 
http://focusfoto.com.br/blogs/  

Seja fotografo regulamentado. Obtenha seu registro Mtb de fotografo profissional.
Registro Profissional: Respeito & Cidadania
“Faça bem feito, faça Focus! – 1975 – 2015 = 40 anos” 

Sobre o autor

ATENÇÃO: OS TEXTOS, MATÉRIAS TÉCNICAS, APRESENTADAS NESSE BLOG SÃO PESQUISADAS, SELECIONADAS E PRODUZIDAS PELOS ALUNOS, PROFESSORES E COLABORADORES DA FOCUS PARA USO MERAMENTE DIDÁTICO E COMPLEMENTAR ÁS AULAS DE FOTOGRAFIA NAS MODALIDADES DE CURSOS PRESENCIAIS OU A DISTÂNCIA EAD, MANTIDOS PELA FOCUS ESCOLA DE FOTOGRAFIA, SEM QUALQUER OUTRO TIPO DE PROPÓSITO, RELEVÂNCIA OU CONOTAÇÃO. PARA MAIORES INFORMAÇÕES CONSULTE https://focusfoto.com.br A Focus é a única escola de fotografia no Brasil, que oferece ao aluno o direito de obter seu REGISTRO LEGALIZADO DE FOTÓGRAFO PROFISSIONAL, emitido pelo Ministério do Trabalho, por meio de cursos com carga horária total de 350 horas, incluindo períodos de estágio, preparo e defesa de TCC OS CURSOS DA FOCUS ESCOLA DE FOTOGRAFIA SÃO RECONHECIDOS PELA LEI N. 9.394, ARTIGO 44, INCISO 1 (LEI DE EDUCAÇÃO) O REGISTRO DE FOTÓGRAFO PROFISSIONAL é unificado, sendo o mesmo obtido pelas melhores Universidades Públicas do Estado de São Paulo. E você poderá obtê-lo EM QUALQUER MODALIDADE DE CURSOS DA FOCUS, presenciais ou a distância EAD em menos de 6 meses de curso. O aluno obterá seu REGISTRO DE FOTÓGRAFO PROFISSIONAL diretamente nas agências regionais do Ministério do Trabalho e Emprego. Este registro é fundamental para o exercício legal da profissão, constituição de seu próprio negócio, ingressos em concursos públicos e processos admissionários em empresas de fotografia, públicas ou particulares, bancos de imagens, agências de notícias, jornalismo e consularização de seu registro de fotógrafo, caso queira trabalhar em outros países ou Ongs. Internacionais, como "FOTÓGRAFOS SEM FRONTEIRAS" entre outras modalidades. SEJA FOTÓGRAFO DEVIDAMENTE REGULAMENTADO. QUALIDADE E EXCELÊNCIA EM EDUCAÇÃO FOTOGRÁFICA É NOSSO DIFERENCIAL HÁ MAIS DE QUATRO DÉCADAS. Os alunos recém-formados pela Focus competem em nível de igualdade com fotógrafos profissionais que estão no mercado há mais de 30 anos. Na FOCUS, o aluno entra no mercado de trabalho pela porta da frente! Os alunos, após formados, são encaminhados para o mercado de trabalho. Cursos 100% práticos, apostilados e com plantão de dúvidas. Faça bem feito, faça Focus! Há mais de 44 anos formando novos profissionais. AUTOR DO PROJETO e MEDIADOR DESSE BLOG: Prof. Dr. Enio Leite Alves, Professor Titular aposentado da Universidade de São Paulo, nascido em São Paulo, SP, 1953. PROF. DR. ENIO LEITE: Área de atuação: Fotografia educacional, fotografia autoral, fotojornalismo, moda, propaganda e publicidade. Pesquisador iconográfico. Sociólogo, jornalista, físico, fotoquímico, inventor e docente universitário. Fotografo de imprensa desde 1967, prestando serviços para os Diários Associados e professor do Sesc e do Curso de Artes Fotográficas Senac Dr. Vila Nova, São Paulo. Fotografo do Jornal da Tarde em 1972 -1973. Em 1975, funda a FOCUS – ESCOLA DE FOTOGRAFIA, primeira instituição de ensino técnico e tecnológico da AMÉRICA LATINA. No mesmo ano, suas fotos são premiadas na 13ª Bienal Internacional de São Paulo, quando a fotografia passa a reconhecida pela primeira vez como obra de valor artístico. Enio Leite, fundador do MOVIMENTO PHOTOUSP no início dos anos 70, com Raul Garcez e Sergio Burgi, entre outros, no centro acadêmico da Escola Politécnica, na Cidade Universitária, São Paulo-SP. Professor de fotografia publicitária da Escola Superior de Propaganda e Marketing, (ESPM), 1982 a 1984. Mestre em Ciências da Comunicação em 1990, pela Escola de Comunicação e Artes, USP. Doutor em História da Fotografia, Fotoquímica, Óptica fotográfica e Fotografia Publicitária Digital, em 1993, pela UNIZH, Suíça. No ano de 1997 obteve Livre Docência na Universitá Degli Studi di Roma Tre. Professor convidado pela Miami Dade University, Flórida, 1995. Pesquisador e escritor, publicou o primeiro livro didático em língua portuguesa sobre fotografia digital, Editora Viena, São Paulo, maio 2011, já na quarta edição e presente nas principais universidades brasileiras portuguesas. Colabora com artigos, ensaios, pesquisas e títulos sobre fotoquímica, radioquímica, técnica fotográfica, tecnologia digital da imagem, semiótica e filosofia da imagem para publicações especializadas nacionais e internacionais. (Fonte: Agência Estado - 12/03/2019)

Deixe seu comentário

  • (não será mostrado)