Importante concurso de fotografia promovido pela Aliança Francesa Brasil, o Prix Photo Aliança Francesa (antigo Prix Photo Web) abre suas inscrições até o dia 11 de outubro

em Notícias.

aliança francesa, prox photo, escola focus, escolas de fotografia, focusfoto, cursos de fotografia, enio leite, aulas de fotografia
Sob o tema “Fronteiras” o concurso oferece aos dos primeiros colocados premiações atraentes como uma semana de viagem em Paris, um fim de semana em sofisticado hotel no Rio de Janeiro ou ainda uma bolsa de estudos na Aliança Francesa, além de exposição coletiva na Galeria Aliança Francesa Rio de Janeiro.

As
inscrições são gratuitas e podem ser feitas através do site:
http://www.prixphotoaf.com.br.

Estamos assistindo à
reafirmação das fronteiras, que nunca chegaram a desparecer”, Michel Foucher,
geógrafo e diplomata francês.

A França possui sua maior
fronteira terrestre justamente com o Brasil. Trata-se, aqui, da fronteira na
sua acepção mais tradicional, como limite, marco ou linha divisória entre dois
países.

Uma linha, a princípio, invisível que, no entanto, vem ganhando materialidade em certas regiões do mundo. Embora, para muitos, o primeiro significado que se tenha em mente seja o de divisão ou separação, a fronteira pode ser percebida, igualmente, como ponto de contato, de trocas ou, até mesmo, de fusão com o outro, com a alteridade.

No campo das artes, a fronteira pode ser compreendida como o tênue limite entre técnicas e olhares: preto e branco/cor, analógico/digital, ficção/realidade,…

As inscrições para o concurso fotográfico Prix Photo Aliança Francesa 2019 podem ser feitas por todo e qualquer fotógrafo, pessoa física, maior de 18 anos e residente no Brasil, de 16 setembro a 11 de outubro de 2019, gratuitamente

Os interessados devem acessar o site do concurso, http://www.prixphotoaf.com.br, preencher a ficha de inscrição e enviar 10 imagens inspiradas no tema, “Fronteiras”, que convida os fotógrafos do Brasil a refletirem sobre esse conceito que admite múltiplas acepções, perspectivas e traduções imagéticas.

As fotos podem ser em cor ou em preto
e branco, manipuladas ou não, obtidas por meio de equipamento analógico ou
digital.  O concurso cultural é promovido pela Delegação Geral da Aliança Francesa
do Brasil com apoio da Air France, do
Hotel Santa Teresa RJ MGallery e autorizado pelo
Ministério da Economia (C.A. SECAP/MF Nº 17377.003691/2019-46).

Os materiais vencedores serão selecionados por um júri técnico.    Os dois primeiros colocados são escolhidos
pelo júri oficial, e um terceiro premiado é escolhido por voto popular em
votação exclusivamente eletrônica,
realizada através do site http://www.prixphotoaf.com.br, entre os dias 23 de outubro e 25 de novembro.

O primeiro
colocado
será contemplado com  um
pacote de viagem com direito a acompanhante, contendo: passagens aéreas ida e volta da Air France para Paris, saindo de
São Paulo, Rio de Janeiro ou Fortaleza, translado a partir da residência,
hospedagem de seis noites em Paris com café da manhã em hotel 3 estrelas. 

O segundo colocado receberá como prêmio um pacote de viagem com um acompanhante, incluindo: hospedagem de duas noites com café da manhã no Hotel Santa Teresa RJ MGallery, no Rio de Janeiro (Rua Almirante Alexandrino, 660, Santa Teresa, Rio de Janeiro – RJ), passagens de ida e volta para o Rio de Janeiro, saindo da cidade do contemplado e translado a partir da residência.

O terceiro trabalho, eleito pelo voto popular, ganhará uma bolsa de estudos, por um semestre, na Aliança Francesa mais próxima de sua residência.

Os portfólios dos três vencedores participam, ainda, de exposições
itinerantes pelas Alianças Francesas no Brasil e no exterior.   A exposição de abertura será na Galeria da
Aliança Francesa Rio de Janeiro, prevista para março de 2020.

A divulgação dos resultados da votação do júri popular e do júri
oficial será feita no site do concurso Prix Photo Aliança Francesa, no dia 06 de dezembro.   

O concurso

O PRIX PHOTO ALIANÇA FRANCESA,
anteriormente conhecido sob o título de Prix Photo Web, é um concurso de
fotografia promovido pela Delegação Geral da Aliança Francesa do Brasil. Seu
objetivo é valorizar a criação contemporânea de jovens fotógrafos, além de
promover o intercâmbio cultural entre o Brasil e a França.

O concurso é autorizado pelo
Ministério da Economia (C.A. SECAP/MF Nº 17377.003691/2019-46). Esta é a nona edição desse importante concurso que já se consolidou
no mercado da fotografia nacional. Na edição de 2019, o júri será composto por
cinco membros de professionais: Eugênio Sávio – professor de fotografia e
fotojornalismo, fotógrafo na área editorial e organizador do Festival de
Fotografia de Tiradentes -, João Kulcsár – professor, autor e curador de
exposições fotográficas -, Katia Chalita – presidente do Conselho da Aliança
Francesa do Rio de Janeiro, produtora e gestora cultural, consultora de
mídia-educação e comunicação-, Jefferson Mello – fotógrafo, diretor de filmes
publicitários e documentários- e Marina Alves – fotógrafa e cientista social,
professora de fotografia e componente da Comissão de Mulheres organizadora do
Festival FotoRio 2018.

Sobre a Aliança Francesa

Prestes a completar 135 anos de atividades no Brasil, a Aliança Francesa
é uma referência no ensino do idioma francês e, sem dúvida, a instituição mais
respeitada e conhecida do mundo, quando o assunto é a difusão da língua
francesa e das culturas francófonas.

Atualmente, são mais de 832 unidades em 131 países, onde estudam
cerca de 500.000 alunos. Na França, a Aliança Francesa conta com escolas e
centros culturais para estudantes estrangeiros. O Brasil possui a maior rede
mundial de Alianças Francesas com 37 associações e 65 unidades, presentes em
praticamente todos os Estados do Brasil.

É a única instituição no país autorizada pela Embaixada da França a
aplicar os exames que dão acesso aos diplomas internacionais DELF e DALF,
reconhecidos pelo Ministério da Educação Nacional francês. A Aliança Francesa
também é centro de exames oficial para aplicação de testes internacionais com
validade de dois anos, TCF (Teste de Conhecimento do Francês) e TEF Canadense
(Teste de Avaliação de Francês), e do teste nacional com validade de um ano
Capes (reconhecido pelas agências CAPES e CNPq do MEC).

A Aliança Francesa no Brasil desenvolve parcerias com inúmeras
empresas francesas e brasileiras, além de ser um ator essencial do diálogo
cultural franco-brasileiro.

Serviço:

Prix
Photo Aliança Francesa 2019

Inscrições: de 16 de setembro a 11 de outubro

Valor
da inscrição
: Gratuita

Votação
popular
: de 23 de outubro a 25 de
novembro

Resultado
do concurso:
06 de dezembro

Exposição
das fotos premiadas:
março 2020

Local: Galeria Aliança Francesa – Rua Muniz Barreto,
730, Botafogo
(21) 2286-4248 / 2539-4118

Regulamento e inscrições: http://www.prixphotoaf.com.br

Aproveite
para conferir mais notícias sobre concursos de fotografia no blog da Escola
Focus.

PIONEIRISMO E INOVAÇÃO:
FOCUS – Escola de Fotografia – Desde 1975:  https://focusfoto.com.br    

#concursos_fotografia #dicas_fotografia
#escola_focus #focus #focus_escola_de_fotografia  #focusfoto #focus_fotografia
#alunos_fotografia #cursos_fotografia #escolas_de_fotografia #aulas_fotografia  #enio_leite   
#cursosdefotografia   

Sobre o autor

ATENÇÃO: OS TEXTOS, MATÉRIAS TÉCNICAS, APRESENTADAS NESSE BLOG SÃO PESQUISADAS, SELECIONADAS E PRODUZIDAS PELOS ALUNOS, PROFESSORES E COLABORADORES DA FOCUS PARA USO MERAMENTE DIDÁTICO E COMPLEMENTAR ÁS AULAS DE FOTOGRAFIA NAS MODALIDADES DE CURSOS PRESENCIAIS OU A DISTÂNCIA EAD, MANTIDOS PELA FOCUS ESCOLA DE FOTOGRAFIA, SEM QUALQUER OUTRO TIPO DE PROPÓSITO, RELEVÂNCIA OU CONOTAÇÃO. PARA MAIORES INFORMAÇÕES CONSULTE https://focusfoto.com.br A Focus é a única escola de fotografia no Brasil, que oferece ao aluno o direito de obter seu REGISTRO LEGALIZADO DE FOTÓGRAFO PROFISSIONAL, emitido pelo Ministério do Trabalho, por meio de cursos com carga horária total de 350 horas, incluindo períodos de estágio, preparo e defesa de TCC OS CURSOS DA FOCUS ESCOLA DE FOTOGRAFIA SÃO RECONHECIDOS PELA LEI N. 9.394, ARTIGO 44, INCISO 1 (LEI DE EDUCAÇÃO) O REGISTRO DE FOTÓGRAFO PROFISSIONAL é unificado, sendo o mesmo obtido pelas melhores Universidades Públicas do Estado de São Paulo. E você poderá obtê-lo EM QUALQUER MODALIDADE DE CURSOS DA FOCUS, presenciais ou a distância EAD em menos de 6 meses de curso. O aluno obterá seu REGISTRO DE FOTÓGRAFO PROFISSIONAL diretamente nas agências regionais do Ministério do Trabalho e Emprego. Este registro é fundamental para o exercício legal da profissão, constituição de seu próprio negócio, ingressos em concursos públicos e processos admissionários em empresas de fotografia, públicas ou particulares, bancos de imagens, agências de notícias, jornalismo e consularização de seu registro de fotógrafo, caso queira trabalhar em outros países ou Ongs. Internacionais, como "FOTÓGRAFOS SEM FRONTEIRAS" entre outras modalidades. SEJA FOTÓGRAFO DEVIDAMENTE REGULAMENTADO. QUALIDADE E EXCELÊNCIA EM EDUCAÇÃO FOTOGRÁFICA É NOSSO DIFERENCIAL HÁ MAIS DE QUATRO DÉCADAS. Os alunos recém-formados pela Focus competem em nível de igualdade com fotógrafos profissionais que estão no mercado há mais de 30 anos. Na FOCUS, o aluno entra no mercado de trabalho pela porta da frente! Os alunos, após formados, são encaminhados para o mercado de trabalho. Cursos 100% práticos, apostilados e com plantão de dúvidas. Faça bem feito, faça Focus! Há mais de 44 anos formando novos profissionais. AUTOR DO PROJETO e MEDIADOR DESSE BLOG: Prof. Dr. Enio Leite Alves, Professor Titular aposentado da Universidade de São Paulo, nascido em São Paulo, SP, 1953. PROF. DR. ENIO LEITE: Área de atuação: Fotografia educacional, fotografia autoral, fotojornalismo, moda, propaganda e publicidade. Pesquisador iconográfico. Sociólogo, jornalista, físico, fotoquímico, inventor e docente universitário. Fotografo de imprensa desde 1967, prestando serviços para os Diários Associados e professor do Sesc e do Curso de Artes Fotográficas Senac Dr. Vila Nova, São Paulo. Fotografo do Jornal da Tarde em 1972 -1973. Em 1975, funda a FOCUS – ESCOLA DE FOTOGRAFIA, primeira instituição de ensino técnico e tecnológico da AMÉRICA LATINA. No mesmo ano, suas fotos são premiadas na 13ª Bienal Internacional de São Paulo, quando a fotografia passa a reconhecida pela primeira vez como obra de valor artístico. Enio Leite, fundador do MOVIMENTO PHOTOUSP no início dos anos 70, com Raul Garcez e Sergio Burgi, entre outros, no centro acadêmico da Escola Politécnica, na Cidade Universitária, São Paulo-SP. Professor de fotografia publicitária da Escola Superior de Propaganda e Marketing, (ESPM), 1982 a 1984. Mestre em Ciências da Comunicação em 1990, pela Escola de Comunicação e Artes, USP. Doutor em História da Fotografia, Fotoquímica, Óptica fotográfica e Fotografia Publicitária Digital, em 1993, pela UNIZH, Suíça. No ano de 1997 obteve Livre Docência na Universitá Degli Studi di Roma Tre. Professor convidado pela Miami Dade University, Flórida, 1995. Pesquisador e escritor, publicou o primeiro livro didático em língua portuguesa sobre fotografia digital, Editora Viena, São Paulo, maio 2011, já na quarta edição e presente nas principais universidades brasileiras portuguesas. Colabora com artigos, ensaios, pesquisas e títulos sobre fotoquímica, radioquímica, técnica fotográfica, tecnologia digital da imagem, semiótica e filosofia da imagem para publicações especializadas nacionais e internacionais. (Fonte: Agência Estado - 12/03/2019)

Deixe seu comentário

  • (não será mostrado)