Lucros recém-nascidos

em Dicas & Tutoriais, Notícias.

recém nascido escola focus enio leite curso de fotografia sp focus curso fotografia cursos de fotografia focus fotografia escola de fotografia online faculdade de fotografia focus escola de fotografia sp curso de fotografia online jacques dequeker escola focus fotografia sp focus foto http://focusfoto.com.br/ curso de fotografia são paulo cursos fotografia nikon d90 focusfoto cursos de fotografia em sp curso de fotografia em são paulo noticias sobre fotografia concurso leica 2012

Fotografia de partos é mais uma alternativa de trabalho

Vivemos numa era de culto à imagem, em que cada momento precisa ser registrado – o que explica, em parte, a tremenda disseminação das câmeras digitais, que facilitam incrivelmente esse processo. Tudo é fotografado, da reunião entre amigos ao ingresso do cinema, da decisão no Maracanã ao bate-bola dos filhos. Muitas vezes, um amador curioso com uma pequena câmera dá conta do recado, mas há situações em que a presença de um profissional é indispensável, o que abre uma boa oportunidade de negócio para fotógrafos. Estão aí os casamentos, aniversários, formaturas e bodas de todos os metais, exaustivamente fotografados, para confirmar. São boas fontes de renda para milhares de profissionais, de todas as faixas de preço, por todo o país.

Até agora, nenhuma novidade. O que vem crescendo nesse meio da chamada fotografia social é o registro de partos – se é que o nascimento de uma criança pode ser considerado um evento social. Um dos que descobriram este filão é Bernardo Rodrigues, fotógrafo de Resende, interior do estado do Rio. Em pouco mais de um ano, decidiu voltar sua câmera para os nascimentos, e desde então já clicou quase 200 partos. O ponto de partida nessa experiência foi o contato com o médico Rodrigo Abud, que o convidou para o que o fotógrafo define como “o lindo trabalho de registrar, de forma ética, profissional e documental, a festa da vida”.

Segundo Rodrigues, a fotografia de parto é um segmento interessante, pois gera um contato e uma ligação com as famílias que acaba gerando novos trabalhos. “Sempre que precisam de um fotógrafo, pensam logo naquele que registrou o parto”, garante. Ele, que não faz apenas esse tipo de fotografia, diz que a entrada nesse ramo foi “uma ótima descoberta, num momento de crise econômica em todo o mundo, para se gastar os cliques da digital”. E, claro, para dar uma boa reforçada no orçamento. “O valor do trabalho varia muito do interior para os grandes centros. Aqui em Resende, o preço pode ir dos R$ 150,00 aos R$ 1.500,00, dependendo do pacote que o casal peça”, afirma.

Entre as opções, além das fotos impressas, pôsteres, DVD editado, fotolivros e por aí vai. “Há preços diferentes também para casos de emergência e nos finais de semana”, acrescenta. Ele diz que, como em todos os setores, há meses muito bons e outros nem tanto. “Esse começo de ano foi bem legal, mas em alguns o negócio fica bem lento”, adverte. Ele calcula fazer, em média, entre 10 a 15 partos por mês. A duração das cirurgias, segundo o fotógrafo, não tem influência no valor cobrado. “Me preocupo em fazer o melhor, ficar ligado em tudo, pois as coisas acontecem rápido e pode-se perder momentos maravilhosos se não prestarmos atenção o tempo todo”, assegura. Para ele, “a adrenalina, pelo menos para quem não é médico, é bem legal. A concentração é tanta que não dá para ver a hora passar”, acrescenta.

A busca por clientes, segundo Rodrigues, é na base do tradicional boca-a-boca. “Converso com médicos, enfermeiras, amigos, distribuo cartões em clínicas, hospitais e maternidades. Uma indicação vai levando a outra”, ensina. Ele ainda mantém um espaço na internet – o www.e-babyfotos.com  –, que também serve como arma de divulgação na inevitável disputa pelo mercado. “Há ótimos profissionais nessa área de gestantes aqui em Resende, mas a relação é de boa vizinhança”, comenta.

Rodrigues teve os primeiros contatos com a fotografia ainda na infância, acompanhando o avô, um fazendeiro que vivia com a câmera a tiracolo, fotografando o gado e as paisagens. Em 92, morando no Rio, foi assistente de Luiz Garrido, com quem aprendeu os processos de revelação e, principalmente, teve contato intenso com a produção fotográfica de todo o Brasil. Em 95, passou a trabalhar por conta própria. Conseguiu um espaço na revista Trip, pela qual participou de uma expedição de dois meses pela América do Sul, em duas pick-ups 4X4. Dedicou-se à fotografia de esportes e natureza, registrando competições de surfe, paraglider e corridas de aventura. Fez viagens pelos Estados Unidos, sempre envolvido com os esportes, e, de volta ao Brasil, participou do documentário Ciclos, sobre parapente, vencedor da edição 2009 do prestigiado Festival de filmes de montanha.

Ele usa uma Nikon D300, com objetivas 18-70 mm e 50 mm e um flash SB 600. Garante passar longe dos programas automáticos – “cada parto tem uma regulagem própria” – e usa uma roupa desenhada especificamente para o trabalho, com bolsos onde guarda o equipamento sem atrapalhar a locomoção durante a cirurgia. Se diz satisfeito com o novo nicho, não apenas pela parte financeira, mas principalmente pela oportunidade de desenvolver-se profissionalmente – “o centro cirúrgico sempre rende boas fotos” – e até emocionalmente. “Participar desse momento tão importante, de felicidade total, numa relação de intimidade com a família e a equipe médica, é uma experiência muito interessante”, conclui.

Fonte: http://goo.gl/nd6st

FOCUS Escola de Fotografia – Desde 1975: http://focusfoto.com.br 
Conheça os cursos da Focus: http://focusfoto.com.br/cursos/

Fale com a Focus: [email protected] 
Veja  Ultimas Noticias sobre Fotografia: http://focusfoto.com.br/blogs/  

Seja fotografo regulamentado. Obtenha seu registro Mtb de fotografo profissional
Registro Profissional: Respeito & Cidadania
Referência em ensino de fotografia
“Faça bem feito, faça Focus! – 1975 – 2016 = 41 anos”

Sobre o autor

ATENÇÃO: OS TEXTOS, MATÉRIAS TÉCNICAS, APRESENTADAS NESSE BLOG SÃO PESQUISADAS, SELECIONADAS E PRODUZIDAS PELOS ALUNOS, PROFESSORES E COLABORADORES DA FOCUS PARA USO MERAMENTE DIDÁTICO E COMPLEMENTAR ÁS AULAS DE FOTOGRAFIA NAS MODALIDADES DE CURSOS PRESENCIAIS OU A DISTÂNCIA EAD, MANTIDOS PELA FOCUS ESCOLA DE FOTOGRAFIA, SEM QUALQUER OUTRO TIPO DE PROPÓSITO, RELEVÂNCIA OU CONOTAÇÃO. PARA MAIORES INFORMAÇÕES CONSULTE https://focusfoto.com.br A Focus é a única escola de fotografia no Brasil, que oferece ao aluno o direito de obter seu REGISTRO LEGALIZADO DE FOTÓGRAFO PROFISSIONAL, emitido pelo Ministério do Trabalho, por meio de cursos com carga horária total de 350 horas, incluindo períodos de estágio, preparo e defesa de TCC OS CURSOS DA FOCUS ESCOLA DE FOTOGRAFIA SÃO RECONHECIDOS PELA LEI N. 9.394, ARTIGO 44, INCISO 1 (LEI DE EDUCAÇÃO) O REGISTRO DE FOTÓGRAFO PROFISSIONAL é unificado, sendo o mesmo obtido pelas melhores Universidades Públicas do Estado de São Paulo. E você poderá obtê-lo EM QUALQUER MODALIDADE DE CURSOS DA FOCUS, presenciais ou a distância EAD em menos de 6 meses de curso. O aluno obterá seu REGISTRO DE FOTÓGRAFO PROFISSIONAL diretamente nas agências regionais do Ministério do Trabalho e Emprego. Este registro é fundamental para o exercício legal da profissão, constituição de seu próprio negócio, ingressos em concursos públicos e processos admissionários em empresas de fotografia, públicas ou particulares, bancos de imagens, agências de notícias, jornalismo e consularização de seu registro de fotógrafo, caso queira trabalhar em outros países ou Ongs. Internacionais, como "FOTÓGRAFOS SEM FRONTEIRAS" entre outras modalidades. SEJA FOTÓGRAFO DEVIDAMENTE REGULAMENTADO. QUALIDADE E EXCELÊNCIA EM EDUCAÇÃO FOTOGRÁFICA É NOSSO DIFERENCIAL HÁ MAIS DE QUATRO DÉCADAS. Os alunos recém-formados pela Focus competem em nível de igualdade com fotógrafos profissionais que estão no mercado há mais de 30 anos. Na FOCUS, o aluno entra no mercado de trabalho pela porta da frente! Os alunos, após formados, são encaminhados para o mercado de trabalho. Cursos 100% práticos, apostilados e com plantão de dúvidas. Faça bem feito, faça Focus! Há mais de 44 anos formando novos profissionais. AUTOR DO PROJETO e MEDIADOR DESSE BLOG: Prof. Dr. Enio Leite Alves, Professor Titular aposentado da Universidade de São Paulo, nascido em São Paulo, SP, 1953. PROF. DR. ENIO LEITE: Área de atuação: Fotografia educacional, fotografia autoral, fotojornalismo, moda, propaganda e publicidade. Pesquisador iconográfico. Sociólogo, jornalista, físico, fotoquímico, inventor e docente universitário. Fotografo de imprensa desde 1967, prestando serviços para os Diários Associados e professor do Sesc e do Curso de Artes Fotográficas Senac Dr. Vila Nova, São Paulo. Fotografo do Jornal da Tarde em 1972 -1973. Em 1975, funda a FOCUS – ESCOLA DE FOTOGRAFIA, primeira instituição de ensino técnico e tecnológico da AMÉRICA LATINA. No mesmo ano, suas fotos são premiadas na 13ª Bienal Internacional de São Paulo, quando a fotografia passa a reconhecida pela primeira vez como obra de valor artístico. Enio Leite, fundador do MOVIMENTO PHOTOUSP no início dos anos 70, com Raul Garcez e Sergio Burgi, entre outros, no centro acadêmico da Escola Politécnica, na Cidade Universitária, São Paulo-SP. Professor de fotografia publicitária da Escola Superior de Propaganda e Marketing, (ESPM), 1982 a 1984. Mestre em Ciências da Comunicação em 1990, pela Escola de Comunicação e Artes, USP. Doutor em História da Fotografia, Fotoquímica, Óptica fotográfica e Fotografia Publicitária Digital, em 1993, pela UNIZH, Suíça. No ano de 1997 obteve Livre Docência na Universitá Degli Studi di Roma Tre. Professor convidado pela Miami Dade University, Flórida, 1995. Pesquisador e escritor, publicou o primeiro livro didático em língua portuguesa sobre fotografia digital, Editora Viena, São Paulo, maio 2011, já na quarta edição e presente nas principais universidades brasileiras portuguesas. Colabora com artigos, ensaios, pesquisas e títulos sobre fotoquímica, radioquímica, técnica fotográfica, tecnologia digital da imagem, semiótica e filosofia da imagem para publicações especializadas nacionais e internacionais. (Fonte: Agência Estado - 12/03/2019)

Deixe seu comentário

  • (não será mostrado)