Prepare sua câmera

em Artigos e Entrevistas, Dicas & Tutoriais, dicas de fotografia.

Câmera, ajustes básicos, fotógrafo iniciante, escolas de fotografia sp, cursos de fotografia sp, focus escola de fotografia, aulas de fotografia sp, cursos de fotografia online, cursos vips de fotografia, aulas profissionalizantes de fotografia, melhores escolas de fotografia sp

Fotografia de esportes, por exemplo, exige preparo antecipado por parte do fotógrafo.                     

Quanto mais cuidado você, fotógrafo iniciante, tiver ao ajustar a câmera antes de fotografar, mais tempo e esforço será poupado quando for usar as imagens – e este tempo pode somar dezenas de horas ao final de um ano. Os principais ajustes incluem o tamanho da imagem, as qualidades de cor e os ajustes de controle para uma variedade de diferentes condições.

Com os ajustes certos e a técnica apropriada, não é preciso processar todas as suas imagens antes de usá-las –pelo menos esse é o ideal que devemos perseguir. Além disso, quanto mais conhecer a câmera, mais prazer terá em usá-la e nunca mais passará pela frustração de ficar sem saber o que fazer quando tiver pressa de captar um momento único.

O segredo é a prática: você não irá danificar a câmera ao tentar todas as opções, variações e ajustes, logo, esse é um modo de começar. Pressione cada botão e veja o que ele faz, acostume-se também a não se limitar só a notar o que ocorre, mas também com o tato e o posicionamento dos botões. Experimente os controles: sinta o quão suaves ou firmes eles são e pratique ajustá-los com precisão. Siga o fluxo do infográfico abaixo para ajustar a sua câmera: escolha uma opção e faça uma foto do local onde está neste momento. Analise o resultado. Vá para o próximo ajuste, clique e analise; repita até entender o que cada opção faz. Este é o único momento em que analisar as imagens após cada foto é uma boa técnica, pois, ajuda a familiarizar-se ao funcionamento da câmera e ao significado de cada termo e ícone.

  • DATA E HORA

Ajuste a data e a hora, principalmente quando viajar ao exterior. Sincronize o horário do seu relógio com o da câmera para que as fotos fiquem organizadas quando descarrega-las.

  • QUALIDADE DA IMAGEM 

    Não é necessário nem aconselhável gravar as imagens sempre na mais alta resolução. Ajuste para tamanhos pequenos e alta compressão (baixa qualidade), quando fizer fotos informais – fotos de amigos para redes sociais, por exemplo. Ajuste alta qualidade e resolução quando viajar, ou quando estiver em eventos profissionais. Com as câmeras de alta resolução atuais, um ajuste equivalente a 6 megapixels provavelmente é adequado para uma ampla variedade de usos, além de economizar cartão de memória e espaço em disco. 

  • FORMATO DA IMAGEM 

    Algumas câmeras têm opção de proporção 4:3 (encaixa-se nos monitores antigos e em muitos formatos de impressão); 16:9 (encaixa-se em telas HD, mas não em alguns formatos de impressão); 3:2 (muito usado pelas DSLRs) é um padrão intermediário.

  • BALANÇO DE BRANCO

As câmeras são ajustadas para compensar variações de cor em condições de luz (auto-White-balance). Melhore os resultados ajustando o balanço de branco, por exemplo: Tungsten, para luzes domesticas, ou Cloudy para dias nublados. Mas, no início, deixe-o em AUTO.

  • QUALIDADE DA COR
    Sua câmera pode ter a opção de qualidade de cor: do preto e branco aos tons pastel ou cores vivas. Use cores suaves para retratos ou casamentos e tons fortes para grafismos ou paisagens em dias nublados.
  • MODO FOCO AUTOMATICO

    Pode-se ajustar a câmera para focar em assuntos estáticos: muitas vezes chamados de single shot, este modo permite expor só quando um foco nítido é obtido. Para assuntos em movimento, ajuste o Servo mode, que acompanha continuamente as mudanças na cena e permite que a exposição seja feita a qualquer momento. Toda câmera possui o modo single-shot, a maioria oferece ambos os modos e alguns modelos alternam entre os dois modos automaticamente, dependendo do comportamento do assunto.
  • SÉRIE OU FOTO ÚNICA

    Toda câmera faz uma foto quando pressiona o botão disparador (obturador): este modo é útil para a maioria das ocasiões. Para situações de mudança rápida, é útil ajustar a câmera para fazer uma série de exposições enquanto o botão disparador estiver pressionado. Boas câmeras podem fazer 5 ou mais exposições por segundo. O número total de exposições varia: câmeras mais simples fazem apenas duas ou três exposições, depois processam as imagens captadas.
  • MODO FLASH
    O modo “Auto” dispara o flash quando a luz está tão baixa que a longa exposição borraria a imagem. Ajuste em Off para evitar perturbar outras pessoas, ou para vistas distantes do entardecer – situações que demandam tripé e longa exposição.
  • CONECTIVIDADE
    Se a sua câmera tem opção de se comunicar com dispositivos Bluetooth, 3g, impressoras especiais ou outros serviços de internet, telefonia móvel ou wireless, é preciso ativar esta função e identificar sua câmera para esses dispositivos. Siga as instruções que surgem na tela dos seus equipamentos: se for preciso digitar um número código no dispositivo –alvo, certifique-se de que esse código esteja à mão.
  • AJUSTES ESPECIAIS 

Se a câmera oferece recursos especiais, ajuste-os e tire vantagem deles. Por exemplo, se tiver recurso GPS (Sistema de Posicionamento Global), será preciso ajustar as coordenadas. Quando a câmera souber onde está, ela pode etiquetar as fotos com a localização exata. Se quiser mandar as imagens para um site de relacionamento social, é preciso informar a câmera, a senha e os detalhes de sua conta.

Gostou? Veja + no Blog da Focus: http://focusfoto.com.br/blogs/  

FOCUS Escola de Fotografia –  http://focusfoto.com.br
Conheça os novos cursos da Focus: http://focusfoto.com.br/cursos/

Confira opinião de Ex-Alunos: https://goo.gl/yRlkM9
Fale com a Focus: [email protected]

Seja fotografo regulamentado
Obtenha seu registro Mtb de fotografo profissional

Referência em ensino de fotografia
“Faça bem feito, faça Focus! – Desde 1975”

Sobre o autor

ATENÇÃO: OS TEXTOS, MATÉRIAS TÉCNICAS, APRESENTADAS NESSE BLOG SÃO PESQUISADAS, SELECIONADAS E PRODUZIDAS PELOS ALUNOS, PROFESSORES E COLABORADORES DA FOCUS PARA USO MERAMENTE DIDÁTICO E COMPLEMENTAR ÁS AULAS DE FOTOGRAFIA NAS MODALIDADES DE CURSOS PRESENCIAIS OU A DISTÂNCIA EAD, MANTIDOS PELA FOCUS ESCOLA DE FOTOGRAFIA, SEM QUALQUER OUTRO TIPO DE PROPÓSITO, RELEVÂNCIA OU CONOTAÇÃO. PARA MAIORES INFORMAÇÕES CONSULTE https://focusfoto.com.br A Focus é a única escola de fotografia no Brasil, que oferece ao aluno o direito de obter seu REGISTRO LEGALIZADO DE FOTÓGRAFO PROFISSIONAL, emitido pelo Ministério do Trabalho, por meio de cursos com carga horária total de 350 horas, incluindo períodos de estágio, preparo e defesa de TCC OS CURSOS DA FOCUS ESCOLA DE FOTOGRAFIA SÃO RECONHECIDOS PELA LEI N. 9.394, ARTIGO 44, INCISO 1 (LEI DE EDUCAÇÃO) O REGISTRO DE FOTÓGRAFO PROFISSIONAL é unificado, sendo o mesmo obtido pelas melhores Universidades Públicas do Estado de São Paulo. E você poderá obtê-lo EM QUALQUER MODALIDADE DE CURSOS DA FOCUS, presenciais ou a distância EAD em menos de 6 meses de curso. O aluno obterá seu REGISTRO DE FOTÓGRAFO PROFISSIONAL diretamente nas agências regionais do Ministério do Trabalho e Emprego. Este registro é fundamental para o exercício legal da profissão, constituição de seu próprio negócio, ingressos em concursos públicos e processos admissionários em empresas de fotografia, públicas ou particulares, bancos de imagens, agências de notícias, jornalismo e consularização de seu registro de fotógrafo, caso queira trabalhar em outros países ou Ongs. Internacionais, como "FOTÓGRAFOS SEM FRONTEIRAS" entre outras modalidades. SEJA FOTÓGRAFO DEVIDAMENTE REGULAMENTADO. QUALIDADE E EXCELÊNCIA EM EDUCAÇÃO FOTOGRÁFICA É NOSSO DIFERENCIAL HÁ MAIS DE QUATRO DÉCADAS. Os alunos recém-formados pela Focus competem em nível de igualdade com fotógrafos profissionais que estão no mercado há mais de 30 anos. Na FOCUS, o aluno entra no mercado de trabalho pela porta da frente! Os alunos, após formados, são encaminhados para o mercado de trabalho. Cursos 100% práticos, apostilados e com plantão de dúvidas. Faça bem feito, faça Focus! Há mais de 44 anos formando novos profissionais. AUTOR DO PROJETO e MEDIADOR DESSE BLOG: Prof. Dr. Enio Leite Alves, Professor Titular aposentado da Universidade de São Paulo, nascido em São Paulo, SP, 1953. PROF. DR. ENIO LEITE: Área de atuação: Fotografia educacional, fotografia autoral, fotojornalismo, moda, propaganda e publicidade. Pesquisador iconográfico. Sociólogo, jornalista, físico, fotoquímico, inventor e docente universitário. Fotografo de imprensa desde 1967, prestando serviços para os Diários Associados e professor do Sesc e do Curso de Artes Fotográficas Senac Dr. Vila Nova, São Paulo. Fotografo do Jornal da Tarde em 1972 -1973. Em 1975, funda a FOCUS – ESCOLA DE FOTOGRAFIA, primeira instituição de ensino técnico e tecnológico da AMÉRICA LATINA. No mesmo ano, suas fotos são premiadas na 13ª Bienal Internacional de São Paulo, quando a fotografia passa a reconhecida pela primeira vez como obra de valor artístico. Enio Leite, fundador do MOVIMENTO PHOTOUSP no início dos anos 70, com Raul Garcez e Sergio Burgi, entre outros, no centro acadêmico da Escola Politécnica, na Cidade Universitária, São Paulo-SP. Professor de fotografia publicitária da Escola Superior de Propaganda e Marketing, (ESPM), 1982 a 1984. Mestre em Ciências da Comunicação em 1990, pela Escola de Comunicação e Artes, USP. Doutor em História da Fotografia, Fotoquímica, Óptica fotográfica e Fotografia Publicitária Digital, em 1993, pela UNIZH, Suíça. No ano de 1997 obteve Livre Docência na Universitá Degli Studi di Roma Tre. Professor convidado pela Miami Dade University, Flórida, 1995. Pesquisador e escritor, publicou o primeiro livro didático em língua portuguesa sobre fotografia digital, Editora Viena, São Paulo, maio 2011, já na quarta edição e presente nas principais universidades brasileiras portuguesas. Colabora com artigos, ensaios, pesquisas e títulos sobre fotoquímica, radioquímica, técnica fotográfica, tecnologia digital da imagem, semiótica e filosofia da imagem para publicações especializadas nacionais e internacionais. (Fonte: Agência Estado - 12/03/2019)

Deixe seu comentário

  • (não será mostrado)