Drone: O Que é, Para que Serve e Tipos 

Atualmente não é difícil conhecer alguém que trabalha com drone ou ser você a pessoa que tanto se interessa por esse aparelho, mas é sempre bacana entender como ele funciona. 

Existe uma série de funções, tamanhos e especificações desses modelos, o que é bem interessante para ajudar nos mais diversos setores. Porém, é preciso saber diferenciar os critérios de cada aparelho para conseguir perceber qual o melhor drone para você.

Ficou curioso? Continue lendo esse artigo!

Drone: O Que é, Para que Serve e Tipos 

O que são drones? 

Muito comuns no cotidiano, os drones nada mais são do que aeronaves, de diversos tamanhos, mas que não tem tripulantes nelas. Eles podem ser usados para uma grande variedade de ações. Eles têm capacidade autônoma de voo, sem precisar de um piloto.

Antigamente, eram usados apenas para fins militares, porém hoje é possível encontrar uma gigante gama de funções para esses aparelhos, que podem variar de preço e especificações como tamanho e função.

O importante é: esses equipamentos servem para alcançar áreas de difícil acesso e entregar imagens e informações para quem está com os pés na terra. 

Para que servem os drones? 

Para que servem os drones? 

Os drones têm diversas funções e ajudam na execução de uma série de tarefas do cotidiano. 

Uma das funções mais populares de um drone é o uso para produção de conteúdos audiovisuais para cinema, pequenas produções e jornalismo. Eles ajudam a captar imagens de uma forma muito mais simples e de um ângulo diverso.

Porém, diferente do que muitos pensam, ele também é usado em prol do governo para algumas ações. Para guerras, a fim de observar inimigos e reconhecer territórios e até para atuar em acidentes radioativos, esses equipamentos são muito usados. Eles ajudam a traçar planos para executá-los com mais cautela. Além disso, servem para observar fenômenos meteorológicos, como furacões, fortes chuvas, tsunamis etc. 

Por fim, mas não muito comum, os drones podem ser usados para transportar coisas, como em um sistema de delivery. Por isso, em algumas áreas do mundo, esse tipo de ação tem sido utilizada. 

Quando usar um drone? 

Quando usar um drone? 

O drone pode ser usado de diversas formas e em momentos, como iremos contar a seguir. Porém, uma coisa é certa, ele deve ser usado para trabalhar a favor da produção de conteúdo midiático ou para alcançar locais que são de difícil acesso para pessoas e outras máquinas maiores. 

Eles podem ser usados para fins militares, conseguir boas imagens jornalísticas, entregar objetos e para crianças se divertirem.

Quais os tipos de drones 

Quais os tipos de drones 

1. De acordo com o número de hélices

  •  Drone de Rotor Único: Um drone de rotor único não é muito comum dentro do mundo dos drones. Isso porque, com apenas um rotor, tem-se mais instabilidade do aparelho. Porém, se colocado na parte traseira do aparelho, é possível ter uma ótima estabilidade e utilização da parte dianteira, por exemplo. Para longos voos, esse é o melhor tipo de drone
  •  Tricóptero: um drone tricoptero possui três extremidades e três motores colocados nelas. Por isso, é uma boa pedida para quem busca um modelo com mais estabilidade e mira. As correções manuais não precisam ser feitas, já que esse modelo de drone mantém a estabilização durante o voo.
  • Quadcóptero: este é um modelo considerado multimotor, pois possui vários motores na sua construção. Então, por isso, é um voo mais seguro, já que é possível utilizar todos os motores a favor do aparelho. Porém, com a grande necessidade de força, o modelo tem uma bateria mais reduzida, o que deve ser levado em conta ao fazer a compra. 
  • Hexacóptero: Um modelo de drone com seis motores faz com que seja possível que metade deles gira para um lado e a outra metade para outro, dando mais estabilidade. Isso é uma forma muito segura de fazer um voo e evitar quedas. 
  • Octocóptero: Oito motores dão uma força muito grande para o aparelho, que consegue voar mais alto e mais rápido do que os anteriores. Por isso, para quem precisa de algo mais profissional, esse é o drone indicado. 

2. De acordo com o tamanho

  •  Mini Drones: os mini drones são modelos de tamanhos superiores a 50 centímetros e podem ir a até dois metros. Grande parte dos drones usados no dia a dia são dessa categoria. Esses modelos geralmente têm asa fixa e pouca potência de voo. 
  •  Drones Médios: esses são modelos maiores e mais pesados, com capacidade de carregar até 200kg. Eles não possuem uma grande autonomia de bateria, o que é ruim para quem os utiliza para projetos longos. 
  •  Drones Grandes: esses modelos são similares com aeronaves e não possuem um uso cotidiano. De forma geral, apenas militares fazem uso desse aparelho para terem visão de locais que um avião comum não conseguiria alcançar. Eles ajudam na vigilância.

 

3. De acordo com o alcance

  • Alcance muito curto: estes são modelos usados geralmente por crianças ou por quem está aprendendo a mexer nesses aparelhos. Podem chegar a uma distância de 5 km e o tempo de uso varia de 20 a 45 antes de precisar de uma segunda carga de bateria. 
  • Drones de Curto Alcance: esses são modelos mais potentes, que chegam a 50 km de distância e com voos longos de 1 a 6 horas. São comuns em drones militares para vigilância.
  • Drones de Curto-Médio Alcance: esses modelos também são usados para fins militares, mas com uma distância maior. Essa categoria permite que os voos cheguem a 100 km de distância e que o tempo aumente para até 12 de capacidade. Então, para reconhecer áreas e espionar locais, são muito queridos e utilizados. 
  • Drones de Médio Alcance: estes são dispositivos super rápidos e que conseguem varrer 650 km de distância, o que é muito bom para fins militares e para recolher dados meteorológicos. 

4. De acordo com o equipamento

  •  Com Câmera: os drones são conhecidos por terem câmeras para capturar momentos em uma perspectiva única ou para ter uma visão diferenciada de áreas não antes vistas. Nos últimos anos se tornou cada vez mais comum em filmes e peças publicitárias perceber o uso desse tipo de aparelho para filmagens. 
  •  Com Visão na Primeira Pessoa (FPV): esse é um tipo de drone que revolucionou a forma de gravar vídeos e que é muito comum na maioria dos aparelhos. Com essa tecnologia é possível gravar vídeos em tempo real como se a visão do telespectador fosse a da câmera. Então, servem para efeitos, produção de filmes, entrevistas etc. 
  • Com GPS: um drone com um GPS é uma das coisas mais seguras. Assim, ele saberá para onde voltar, o que muitos drones fazem de forma automática, e o usuário poderá capturar imagens com a rota traçada previamente, dando mais segurança.
  • Com Estabilizador: o estabilizador de um drone serve para dar mais segurança no voo e para ajudar na captação de imagens mais nítidas. 

Conclusão 

Um drone é um aparelho muito usado no cotidiano, seja na esfera particular ou na governamental. Com esses aparelhos é possível percorrer, de forma simples, áreas que um ser humano ou uma máquina maior não conseguiriam.

Utilizar o drone a seu favor também é uma forma de reduzir estresses de filmagens e ainda conseguir um ponto de vista único sobre uma imagem.

Ficou com alguma dúvida? Nos conte nos comentários que iremos te ajudar.

Você pode gostar também

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.